Segunda-feira, 6 de dezembro de 2010, atualizada às 18h

Chuvas provocam 63 ocorrências em Juiz de Fora desde a última sexta-feira

Aline Furtado
Repórter
Sombrinhas

Juiz de Fora contabilizou 63 ocorrências das 18 horas da última sexta-feira, 3 de novembro, até as 16h30 desta segunda-feira, dia 6. Os registros foram em decorrência das chuvas, provocadas pela atuação de uma frente fria que está sobre a região, segundo o 5º Distrito de Meteorologia de Belo Horizonte.

A região mais afetada foi a Leste, com 29 ocorrências. Em seguida, vieram a Sul, com 14; a Sudeste, com dez; a Norte e o Centro, com três cada uma; e a Oeste e a Nordeste (ver mapas), com duas cada uma.

De acordo com a assessoria da Defesa Civil, foram registrados dez alagamentos, dez ameaças de escorregamentos de taludes, oito escorregamentos de taludes, 28 orientações técnicas, quatro ameaças de desabamento de muro de contenção, além de três ameaças de desabamento de muros de divisa.

O pluviômetro da Defesa Civil, localizado no bairro Santos Anjos, registrou chuva equivalente a 0,4 milímetros no último sábado, dia 4; 36,5 milímetros no último domingo, dia 5; e 41 milímetros nesta segunda-feira, 6.

Já o meteorologista do 5º Distrito, Cleber Souza, destaca que a cidade recebeu, no último domingo, 5, o equivalente a 42,6 milímetros. "O acumulado, 118,6 milímetros, está dentro do esperado para o mês de dezembro, que é um período de chuvas intensas, o mês mais chuvoso do ano."

Segundo Souza, a temperatura, nesta terça-feira, dia 7, deve ficar entre 17º C, a mínima, e 31º C, a máxima. A previsão indica que as chuvas devem continuar até o mês de março. "Com a chegada do verão, no dia 21 de dezembro, a tendência é que as precipitações continuem, principalmente ao final das tardes."

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.