• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade
    Segunda-feira, 24 de outubro de 2011, atualizada às 19h47

    Trabalhadores da Mercedes-Benz decidem, nesta terça-feira, se a greve continua

    Aline Furtado
    Repórter

    Foto do localFuncionários da Mercedes-Benz reuniram-se na tarde desta segunda-feira, 24 de outubro, com representantes da empresa, a fim de realizar mais uma rodada de negociações. Contudo, a decisão a respeito da paralisação das atividades, que teve início na última quinta-feira, dia 20, ficou para esta terça-feira, 25, quando os trabalhadores reúnem-se em assembleia para avaliar a proposta da empresa.

    "A negociação não evolui. Conseguimos chegar ao percentual de 10% de reajuste, mas com relação ao abono, os representantes da empresa afirmaram que não há intenção de concessão. Decidiremos, nesta terça-feira, se daremos prosseguimento ao movimento ou não", aponta o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, João César da Silva. No encontro, realizado em São Bernardo do Campo, os representantes da Mercedes-Benz destacaram que acionarão a Justiça, por alegaram que a paralisação é ilegal.

    Segundo Silva, um total de 1.500 trabalhadores, sendo 1.200 da planta de Juiz de Fora e outros 300 que estão atuando na região do ABC Paulista, aderiram à greve. Os trabalhadores reivindicam aumento de 10%, abono de R$ 2.500, além de manutenção de benefícios conquistados. A exigência é por paridade, em relação ao reajuste concedido aos funcionários do ABC.

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.