• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade

    Implantação de passarela entre prédios de hospital interdita Itamar FrancoMudanças serão iniciadas às 20h desta segunda-feira, dia 6, e os trabalhos deverão ser concluídos no domingo, dia 12

    Aline Furtado
    Repórter
    3/2/2012
    Complexo Monte Sinai

    A implantação de uma passarela suspensa que vai interligar os dois prédios do Complexo Hospitalar Monte Sinai vai interditar o trecho de avenida Presidente Itamar Franco entre o shopping center que funciona na região e a rua Vicente Beghelli, nos dois sentidos de circulação. A alteração será iniciada às 20h da próxima segunda-feira, 6 de fevereiro, prosseguindo até o domingo, dia 12.

    Com isso, a Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra) promoverá intervenções no trânsito para que os trabalhos sejam realizados. "Trata-se de um trecho de grande importância para o trânsito, mas preparamos alternativas de circulação, a fim de provocar o mínimo de transtorno", destaca o secretário da Settra, Márcio Gomes Bastos. O acesso até o shopping será liberado apenas a taxistas e pessoas que forem desembarcar ou embarcar no local, já que será permitida a manobra de retorno após o shopping.

    As alterações afetarão, ainda, o trajeto de doze linhas do transporte coletivo que passam pela área. Além disso, os quatro pontos de ônibus localizados entre o shopping e a rua Vicente Beghelli, nos dois sentidos, serão totalmente desativados no período. De acordo com a assessoria da Settra, serão afixadas 21 faixas na cidade, tanto no local quanto na região da mudança, informando sobre a interdição e os possíveis desvios. Agentes de trânsito darão apoio.

    Além disso, todas as linhas de ônibus que tiverem o itinerário alterado terão cartazes, informando a mudança. Os pontos de ônibus desativados total ou parcialmente receberão banners com orientações aos usuários. O acesso ao Monte Sinai será feito apenas pela rua Vicente Beghelli.

    O diretor do hospital, Ricardo Campello, explica que a definição da próxima semana para implantação da passarela deve-se ao fato de a previsão apontar baixa possibilidade de chuva. "Em janeiro, isso era impossível porque choveu demais, o que poderia comprometer os trabalhos, já que algumas soldas não podem ser feitas com umidade. Além disso, o mês de fevereiro ainda é tranquilo, embora o retorno às aulas ainda ocorra no início da próxima semana. Mas o fato de a UFJF [Universidade Federal de Juiz de Fora] só voltar em março também contou."

    Barreira física

    De acordo com o chefe do Departamento de Fiscalização da Settra, Jorge Lima, as alterações, principalmente no cruzamento entre a Olegário Maciel e a Padre Café e entre a Antônio Passarela e a Monsenhor Gustavo Freire, onde serão colocadas barreiras físicas (ver abaixo), serão acompanhadas e avaliadas constantemente. "É importante para verificar se a fluidez está ocorrendo. Além disso, as condições de tráfego na Itamar Franco e na Monsenhor Gustavo Freire serão nosso foco durante o acompanhamento."

    Com a mudança no trânsito, grande parte dos veículos provenientes da Cidade Alta chegará à região central por meio da rua Vicente Beghelli, que termina na avenida Olegário Maciel. Como o trânsito nestas vias será intensificado, a Settra fará uma mudança no cruzamento da Olegário Maciel com a rua Padre Café, prevendo que a interseção ficará sobrecarregada.

    Os veículos que estiverem circulando na Olegário Maciel (sentido Centro / UFJF) não poderão descer a rua Padre Café. Isso evitará que os veículos que estejam circulando no sentido contrário tenham que esperar a preferência nesta interseção para seguir na Olegário Maciel.

    Passarela Complexo Monte Sinai
    Sugestões de desvios
    • Sentido Cidade Alta / Centro

    - Utilizar a rua Engenheiro Gentil Forn;

    - Ao sair da UFJF pelo Pórtico Sul, acessar a rua Vicente Beghelli.

    • Sentido Aeroporto / Centro

    - Utilizar a avenida Prefeito Melo Reis;

    - Avenida Eugênio do Nascimento, rua Vicente Beghelli.

    • Sentido Centro / Cidade Alta

    - Utilizar a avenida Olegário Maciel;

    - Pela Itamar Franco, acessar a rua Monsenhor Gustavo Freire, Benedito Reis Fortes;

    - Olegário Maciel, Monsenhor Gustavo Freire, Vicente Beghelli;

    - Pela rua São Mateus, acessar a rua Antônio Passarela e utilizar o caminho da rua Monsenhor Gustavo Freire (caminhões e ônibus estão restritos);

    - Utilizar, preferencialmente, o Pórtico Norte da UFJF.

    • Sentido Centro / Aeroporto

    - Utilizar a avenida Prefeito Melo Reis;

    - Acessar a rua Olegário Maciel;

    - Pela Itamar Franco, acessar a rua Monsenhor Gustavo Freire, Benedito Reis Fortes, Olegário Maciel, Monsenhor Gustavo Freire, Vicente Beghelli.

    • Sentido Desdedit Salgado / Cidade Alta

    - Acessar, no trevo do Parque da Lajinha, a avenida Eugênio do Nascimento, UFJF.

    Alterações no transporte coletivo

    Devido às mudanças no trânsito, 12 linhas de ônibus sofrerão alteração provisória. São elas: 501 (Padre Café / Jardim Glória), 525 (Universidade), 532 (São Pedro / Via Caiçaras), 534 (Santos Dumont), 535 (Universidade), 539 (Santos Dumont), 541 (São Pedro), 544 (Recanto dos Brugger), 545 (Universidade), 548 (Adolfo Vireque / Via Jardim Casablanca - Morada do Serro), 560 (Avenida Itamar Franco) e 755 (Zona Norte / UFJF). Saiba como ficam os trajetos:

    • Linha 501

    Sentido Padre Café / Centro: rua Olegário Maciel, rua Belo Horizonte, rua Cândido Tostes, rua Padre Café, rua São Mateus... Os ônibus desta linha deixarão de passar nos pontos de ônibus localizados na Padre Café, entre a Olegário Maciel e a Presidente Itamar Franco.

    • Linhas 532, 534, 535, 541 e 545

    Sentido bairro / Centro: ..., avenida Presidente Itamar Franco, rua Vicente Beghelli, rua Antônio Marinho Saraiva, avenida Presidente Itamar Franco, Trevo do Lacet, avenida Presidente Itamar Franco, ... Estas linhas deixarão de passar nos pontos localizados na avenida Presidente Itamar Franco, entre as ruas Vicente Beghelli e Antônio Marinho Saraiva.

    • Linhas 525, 539, 544, 545 e 548

    Sentido Centro / bairro: avenida Presidente Itamar Franco, rua Monsenhor Gustavo Freire, rua Benedito dos Reis Fortes, rua Olegário Maciel, rua Monsenhor Gustavo Freire, rua Araguari, rua Vicente Beghelli, avenida Presidente Itamar Franco, Pórtico Sul (UFJF). Estas linhas deixarão de passar nos pontos de ônibus localizados entre a rua Monsenhor Gustavo Freire e a rua Vicente Beghelli (sentido Centro / bairro).

    • Linha 560

    - Sentido Centro / bairro: avenida Presidente Itamar Franco, rua Luiz Gonzaga de Araújo Evangelista, Ladeira Alexandre Leonel, rua Miguel José Mansur.

    - Sentido bairro / Centro: rua Miguel José Mansur, rua Petrus Zaka, rua Tom Fagundes, avenida Doutor Paulo Japiassu Coelho, Trevo do Lacet, avenida Presidente Itamar Franco, (...). Os coletivos desta linha deixarão de passar nos pontos de ônibus localizados na avenida Presidente Itamar Franco, entre o shopping e a UFJF (incluindo o interior do campus).

    • Linha 755 (Zona Norte / UFJF)

    Sentido Zona Norte / UFJF: (...), anel viário da UFJF, Faculdade de Educação Física, Anel viário da UFJF, rua local da UFJF, Faculdade de Odontologia, Faculdade de Medicina, novo ICH, (...). Os coletivos desta linha deixarão de passar nos pontos de ônibus localizados na avenida Presidente Itamar Franco, entre a rua Vicente Beghelli e a Curva do Lacet.

    Complexo Monte Sinai Complexo Monte Sinai
    Sky way

    A passarela, chamada sky way, vai ligar o Hospital Monte Sinai ao Centro Médico Monte Sinai, que abrigará clínicas e especialistas ligados à saúde, em 315 consultórios. O objetivo, com a instalação da passarela, é garantir a segurança e a agilidade a pacientes e pedestres.

    A transposição aérea terá 46 metros de comprimento e 3,5 metros de largura, 5,5 metros e 6,5 metros de altura nas extremidades, composta por 36 toneladas de ferro e aço, sustentação por tirantes, apoiada sobre grandes blocos de concreto armado (gigantes), instalados fora da via pública. A montagem e confecção da passarela serão realizadas por uma empresa de Juiz de Fora, a Inusa – Estruturas Metálicas. A implantação será feita por meio de dois guindastes especiais.

    Com o Complexo Hospitalar Monte Sinai, haverá a ampliação da área física do hospital de 36 mil metros quadrados para 78 mil metros quadrados, com duplicação do número de leitos e disponibilização de criação de 565 vagas de estacionamento. "É importante destacar, ainda, que a criação do complexo criará mais de 600 empregos diretos para pessoas com níveis médio e superior de escolaridade", explica o diretor do hospital.

    Os textos são revisados por Mariana Benicá

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.