Quinta-feira, 19 de julho de 2012, atualizada às 9h

Jovem morre após ser encontrado baleado e ferido em estrada no Filgueiras

Nathália Carvalho
*Colaboração
ambulancia do Samu

Um jovem de 18 anos foi encontrado baleado na cabeça, após tentativa de assassinato, em uma estrada vicinal que liga os bairros Filgueiras e Linhares, no final da tarde da última quarta-feira, 18 de julho. Além do tiro, ele estava com o rosto queimado e apresentava múltiplas fraturas nas costelas. Segundo as informações da Polícia Militar (PM), Rodrigo Dias Laudelino não resistiu aos ferimentos e morreu no final do dia. Os assassinos ainda não foram presos.

A polícia informou que ele foi localizado por um trabalhador que estava recolhendo animais da via. Ele percebeu a presença da vítima caída às margens de uma represa e acionou os órgãos competentes. No momento em que os policiais e os profissionais do serviço de emergência chegaram, não havia nenhum documento próximo ao rapaz e, portanto, não foi possível identificá-lo. O jovem foi encaminhado ao Hospital de Pronto Socorro (HPS), onde recebeu atendimento médico, estando em estado grave.

Durante a manhã desta quinta-feira, 19, a PM divulgou novas informações nas quais afirmava ter sido procurada pelos familiares da vítima. Ao chegar ao hospital, foi confirmado o óbito. Um amigo do jovem teria informado que ele havia sido agredido por quatro homens e, em seguida, colocado à força no interior de um veículo na quarta-feira. Ele acrescentou dizendo o nome do suspeito e afirmou que o mesmo estaria ameaçando a vítima de morte há dias, devido a desentendimentos pessoais. O caso será investigado pela Polícia Civil.

*Nathália Carvalho é estudante do 8º período de Comunicação Social da UFJF

Os textos são revisados por Mariana Benicá

Quinta-feira, 19 de julho de 2012, atualizada às 9h

Jovem morre após ser encontrado baleado e ferido em estrada no Filgueiras

Nathália Carvalho
*Colaboração
ambulancia do Samu

Um jovem de 18 anos foi encontrado baleado na cabeça, após tentativa de assassinato, em uma estrada vicinal que liga os bairros Filgueiras e Linhares, no final da tarde da última quarta-feira, 18 de julho. Além do tiro, ele estava com o rosto queimado e apresentava múltiplas fraturas nas costelas. Segundo as informações da Polícia Militar (PM), Rodrigo Dias Laudelino não resistiu aos ferimentos e morreu no final do dia. Os assassinos ainda não foram presos.

A polícia informou que ele foi localizado por um trabalhador que estava recolhendo animais da via. Ele percebeu a presença da vítima caída às margens de uma represa e acionou os órgãos competentes. No momento em que os policiais e os profissionais do serviço de emergência chegaram, não havia nenhum documento próximo ao rapaz e, portanto, não foi possível identificá-lo. O jovem foi encaminhado ao Hospital de Pronto Socorro (HPS), onde recebeu atendimento médico, estando em estado grave.

Durante a manhã desta quinta-feira, 19, a PM divulgou novas informações nas quais afirmava ter sido procurada pelos familiares da vítima. Ao chegar ao hospital, foi confirmado o óbito. Um amigo do jovem teria informado que ele havia sido agredido por quatro homens e, em seguida, colocado à força no interior de um veículo na quarta-feira. Ele acrescentou dizendo o nome do suspeito e afirmou que o mesmo estaria ameaçando a vítima de morte há dias, devido a desentendimentos pessoais. O caso será investigado pela Polícia Civil.

*Nathália Carvalho é estudante do 8º período de Comunicação Social da UFJF

Os textos são revisados por Mariana Benicá

-
Quinta-feira, 19 de julho de 2012, atualizada às 9h

Jovem morre após ser encontrado baleado e ferido em estrada no Filgueiras

Nathália Carvalho
*Colaboração
ambulancia do Samu

Um jovem de 18 anos foi encontrado baleado na cabeça, após tentativa de assassinato, em uma estrada vicinal que liga os bairros Filgueiras e Linhares, no final da tarde da última quarta-feira, 18 de julho. Além do tiro, ele estava com o rosto queimado e apresentava múltiplas fraturas nas costelas. Segundo as informações da Polícia Militar (PM), Rodrigo Dias Laudelino não resistiu aos ferimentos e morreu no final do dia. Os assassinos ainda não foram presos.

A polícia informou que ele foi localizado por um trabalhador que estava recolhendo animais da via. Ele percebeu a presença da vítima caída às margens de uma represa e acionou os órgãos competentes. No momento em que os policiais e os profissionais do serviço de emergência chegaram, não havia nenhum documento próximo ao rapaz e, portanto, não foi possível identificá-lo. O jovem foi encaminhado ao Hospital de Pronto Socorro (HPS), onde recebeu atendimento médico, estando em estado grave.

Durante a manhã desta quinta-feira, 19, a PM divulgou novas informações nas quais afirmava ter sido procurada pelos familiares da vítima. Ao chegar ao hospital, foi confirmado o óbito. Um amigo do jovem teria informado que ele havia sido agredido por quatro homens e, em seguida, colocado à força no interior de um veículo na quarta-feira. Ele acrescentou dizendo o nome do suspeito e afirmou que o mesmo estaria ameaçando a vítima de morte há dias, devido a desentendimentos pessoais. O caso será investigado pela Polícia Civil.

*Nathália Carvalho é estudante do 8º período de Comunicação Social da UFJF

Os textos são revisados por Mariana Benicá