Segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015, atualizada às 16h40

Unidos do Ladeira vence o Carnaval de Juiz de Fora

Angeliza Lopes
Repórter
carnaval

Pela quarta vez, a Unidos do Ladeira é a escola campeã do Carnaval de Juiz de Fora. Com diferença de um décimo da segunda colocada, Turunas do Riachuelo, a agremiação comemorou vitória de baixo de chuva, em frente ao prédio da Funalfa, no Parque Halfeld. A Mocidade Alegre (foto abaixo, à direita) subiu para o grupo A e a União das Cores (foto abaixo, à esquerda) no ano que vem desfila no grupo B. Houve empate no grupo B, entre a Acadêmicos do Manoel Honório e a Mocidade Alegre, e o critério de desempate foi a comissão de frente das escolas. A Unidos do Retiro, que desfilou pelo grupo A, caiu para o grupo B. Outra escola que caiu foi a Vale do Paraibuna, que sai no próximo ano pelo grupo C. As apurações foram acompanhadas pelos presidentes das escolas de samba, realizada no Anfiteatro João Carriço, no prédio da Funalfa.

Com nota máxima em quatro quesitos - comissão de frente, cronometragem, bateria e enredo, leva o primeiro lugar do grupo A com a pontuação 108,8. O presidente Marcus Valério Mendes comemora agradecendo o trabalho de toda a diretoria da escola e da comunidade “Eles que fazem com que sejamos os melhores mais uma vez, não pelo luxo e pela riqueza, mas principalmente pelo trabalho desenvolvido durante todo ano. O enredo para o próximo ano será definido em março, e no meio do ano já iniciamos os preparativos para 2016”, destaca. Com 108,7, a Turunas do Riachuelo levou a segunda colocação, enquanto em terceiro lugar ficou a Real Grandeza, com total de ponto em 108,2.

Vitoriosa do grupo B, com nota máxima em quatro quesito (108,3), a Mocidade Alegre mostrou na avenida um pouco da história de Juiz de Fora, com o enredo “A Família Mariano Procópio cai no samba...”. Segundo o vice-presidente Rafael Lima os preparativos para o próximo ano serão mais rigorosos. “No grupo A é mais complicado, mas vamos chegar não só para competir, mas para ganhar”, ressalta Lima, lembrando que os foliões ainda podem conferir a exposição da escola no Museu Mariano Procópio, na rua Dom Pedro II, 350.

Quadras ainda fechadas

O presidente da Liga das Escolas de Samba de Juiz de Fora (Liesjuf), Jair de Castro Filho, destaca que mesmo com o fim dos desfiles, é importante lembrar que as quadras das escolas continuam fechadas. “Depois que passar o carnaval vamos fazer uma assembleia geral com a Prefeitura, Bombeiros e Poder Público para vermos reabrimos as quadras. Vimos na apuração que os quesitos foram perdidos por décimos, por isso vemos a competitividade e qualidade das escolas, mas esperamos o apoio da própria imprensa para conseguirmos reabrir os espaços de ensaio”, afirma.

O superintendente da Funalfa Toninho Dutra afirma que todas as escolas tiveram o seu brilho na avenida, mesmo com as adversidades. "Os resultados de um júri são um conjunto de olhares, e isto não tira o mérito das escolas vencedoras. As duas merecem estar lá pelo resultado, outras também fizeram desfiles muito bonitos. Vemos até mesmo pelas notas acirradas. Atualmente as escolas tem desafiado as adversidades que enfrentam, algumas com quadras fechadas e ensaios nas ruas, e, surpreendentemente tem trazido desfiles em uma crescente de qualidade, organização”, destaca Toninho.

 

uniao mocidade
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo A
Classificação Escola Total de Pontos
Unidos do Ladeira 108,8
Turunas do Riachuelo 108,7
Real Grandeza 108,2
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo B
Classificação Escola Total de Pontos
Mocidade Alegre 108,3
Acadêmicos do Manoel Honório 108,3
Partido Alto 108,2
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo C
Classificação Escola Total de Pontos
União das Cores 85,5
-
Segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015, atualizada às 16h40

Unidos do Ladeira vence o Carnaval de Juiz de Fora

Angeliza Lopes
Repórter
carnaval

Pela quarta vez, a Unidos do Ladeira é a escola campeã do Carnaval de Juiz de Fora. Com diferença de um décimo da segunda colocada, Turunas do Riachuelo, a agremiação comemorou vitória de baixo de chuva, em frente ao prédio da Funalfa, no Parque Halfeld. A Mocidade Alegre (foto abaixo, à direita) subiu para o grupo A e a União das Cores (foto abaixo, à esquerda) no ano que vem desfila no grupo B. Houve empate no grupo B, entre a Acadêmicos do Manoel Honório e a Mocidade Alegre, e o critério de desempate foi a comissão de frente das escolas. A Unidos do Retiro, que desfilou pelo grupo A, caiu para o grupo B. Outra escola que caiu foi a Vale do Paraibuna, que sai no próximo ano pelo grupo C. As apurações foram acompanhadas pelos presidentes das escolas de samba, realizada no Anfiteatro João Carriço, no prédio da Funalfa.

Com nota máxima em quatro quesitos - comissão de frente, cronometragem, bateria e enredo, leva o primeiro lugar do grupo A com a pontuação 108,8. O presidente Marcus Valério Mendes comemora agradecendo o trabalho de toda a diretoria da escola e da comunidade “Eles que fazem com que sejamos os melhores mais uma vez, não pelo luxo e pela riqueza, mas principalmente pelo trabalho desenvolvido durante todo ano. O enredo para o próximo ano será definido em março, e no meio do ano já iniciamos os preparativos para 2016”, destaca. Com 108,7, a Turunas do Riachuelo levou a segunda colocação, enquanto em terceiro lugar ficou a Real Grandeza, com total de ponto em 108,2.

Vitoriosa do grupo B, com nota máxima em quatro quesito (108,3), a Mocidade Alegre mostrou na avenida um pouco da história de Juiz de Fora, com o enredo “A Família Mariano Procópio cai no samba...”. Segundo o vice-presidente Rafael Lima os preparativos para o próximo ano serão mais rigorosos. “No grupo A é mais complicado, mas vamos chegar não só para competir, mas para ganhar”, ressalta Lima, lembrando que os foliões ainda podem conferir a exposição da escola no Museu Mariano Procópio, na rua Dom Pedro II, 350.

Quadras ainda fechadas

O presidente da Liga das Escolas de Samba de Juiz de Fora (Liesjuf), Jair de Castro Filho, destaca que mesmo com o fim dos desfiles, é importante lembrar que as quadras das escolas continuam fechadas. “Depois que passar o carnaval vamos fazer uma assembleia geral com a Prefeitura, Bombeiros e Poder Público para vermos reabrimos as quadras. Vimos na apuração que os quesitos foram perdidos por décimos, por isso vemos a competitividade e qualidade das escolas, mas esperamos o apoio da própria imprensa para conseguirmos reabrir os espaços de ensaio”, afirma.

O superintendente da Funalfa Toninho Dutra afirma que todas as escolas tiveram o seu brilho na avenida, mesmo com as adversidades. "Os resultados de um júri são um conjunto de olhares, e isto não tira o mérito das escolas vencedoras. As duas merecem estar lá pelo resultado, outras também fizeram desfiles muito bonitos. Vemos até mesmo pelas notas acirradas. Atualmente as escolas tem desafiado as adversidades que enfrentam, algumas com quadras fechadas e ensaios nas ruas, e, surpreendentemente tem trazido desfiles em uma crescente de qualidade, organização”, destaca Toninho.

 

uniao mocidade
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo A
Classificação Escola Total de Pontos
Unidos do Ladeira 108,8
Turunas do Riachuelo 108,7
Real Grandeza 108,2
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo B
Classificação Escola Total de Pontos
Mocidade Alegre 108,3
Acadêmicos do Manoel Honório 108,3
Partido Alto 108,2
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo C
Classificação Escola Total de Pontos
União das Cores 85,5
Segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015, atualizada às 16h40

Unidos do Ladeira vence o Carnaval de Juiz de Fora

Angeliza Lopes
Repórter
carnaval

Pela quarta vez, a Unidos do Ladeira é a escola campeã do Carnaval de Juiz de Fora. Com diferença de um décimo da segunda colocada, Turunas do Riachuelo, a agremiação comemorou vitória de baixo de chuva, em frente ao prédio da Funalfa, no Parque Halfeld. A Mocidade Alegre (foto abaixo, à direita) subiu para o grupo A e a União das Cores (foto abaixo, à esquerda) no ano que vem desfila no grupo B. Houve empate no grupo B, entre a Acadêmicos do Manoel Honório e a Mocidade Alegre, e o critério de desempate foi a comissão de frente das escolas. A Unidos do Retiro, que desfilou pelo grupo A, caiu para o grupo B. Outra escola que caiu foi a Vale do Paraibuna, que sai no próximo ano pelo grupo C. As apurações foram acompanhadas pelos presidentes das escolas de samba, realizada no Anfiteatro João Carriço, no prédio da Funalfa.

Com nota máxima em quatro quesitos - comissão de frente, cronometragem, bateria e enredo, leva o primeiro lugar do grupo A com a pontuação 108,8. O presidente Marcus Valério Mendes comemora agradecendo o trabalho de toda a diretoria da escola e da comunidade “Eles que fazem com que sejamos os melhores mais uma vez, não pelo luxo e pela riqueza, mas principalmente pelo trabalho desenvolvido durante todo ano. O enredo para o próximo ano será definido em março, e no meio do ano já iniciamos os preparativos para 2016”, destaca. Com 108,7, a Turunas do Riachuelo levou a segunda colocação, enquanto em terceiro lugar ficou a Real Grandeza, com total de ponto em 108,2.

Vitoriosa do grupo B, com nota máxima em quatro quesito (108,3), a Mocidade Alegre mostrou na avenida um pouco da história de Juiz de Fora, com o enredo “A Família Mariano Procópio cai no samba...”. Segundo o vice-presidente Rafael Lima os preparativos para o próximo ano serão mais rigorosos. “No grupo A é mais complicado, mas vamos chegar não só para competir, mas para ganhar”, ressalta Lima, lembrando que os foliões ainda podem conferir a exposição da escola no Museu Mariano Procópio, na rua Dom Pedro II, 350.

Quadras ainda fechadas

O presidente da Liga das Escolas de Samba de Juiz de Fora (Liesjuf), Jair de Castro Filho, destaca que mesmo com o fim dos desfiles, é importante lembrar que as quadras das escolas continuam fechadas. “Depois que passar o carnaval vamos fazer uma assembleia geral com a Prefeitura, Bombeiros e Poder Público para vermos reabrimos as quadras. Vimos na apuração que os quesitos foram perdidos por décimos, por isso vemos a competitividade e qualidade das escolas, mas esperamos o apoio da própria imprensa para conseguirmos reabrir os espaços de ensaio”, afirma.

O superintendente da Funalfa Toninho Dutra afirma que todas as escolas tiveram o seu brilho na avenida, mesmo com as adversidades. "Os resultados de um júri são um conjunto de olhares, e isto não tira o mérito das escolas vencedoras. As duas merecem estar lá pelo resultado, outras também fizeram desfiles muito bonitos. Vemos até mesmo pelas notas acirradas. Atualmente as escolas tem desafiado as adversidades que enfrentam, algumas com quadras fechadas e ensaios nas ruas, e, surpreendentemente tem trazido desfiles em uma crescente de qualidade, organização”, destaca Toninho.

 

uniao mocidade
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo A
Classificação Escola Total de Pontos
Unidos do Ladeira 108,8
Turunas do Riachuelo 108,7
Real Grandeza 108,2
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo B
Classificação Escola Total de Pontos
Mocidade Alegre 108,3
Acadêmicos do Manoel Honório 108,3
Partido Alto 108,2
Resultados Oficiais do Carnaval 2015 - Grupo C
Classificação Escola Total de Pontos
União das Cores 85,5