• Assinantes
  • Autenticação
  • Direitos Humanos

    Segunda-feira, 03 de março de 2008, atualizada às 14h30

    Médicos do Barulho realizam campanha na Páscoa para alegrar crianças hospitalizadas



    Daniele Gruppi
    Repórter

    Os Médicos do Barulho organizam campanha na Páscoa para alegrarem crianças hospitalizadas. A ONG arrecada ovos de chocolate para serem distribuídos nas entidades nas quais atuam rotineiramente: Ascomcer, Hospital Pronto Socorro (HPS), Santa Casa, Pronto Atendimento Infantil (PAI) e Hospital Universitário (HU).

    Segundo o presidente do grupo, Amaury Mendes, conhecido como palhaço Fuzil, a idéia é fazer com que as crianças comemorem a Páscoa. "Para elas não ficarem sem saber o que acontece fora dos hospitais, promovemos, a partir de datas importantes, campanhas para presenteá-las".

    A Associação tem 12 anos de atuação em Juiz de Fora e trabalha com o objetivo de diminuir o receio dos procedimentos e dos profissionais da saúde, proporcionando aos pacientes momentos de felicidade e auto-confiança. "Participar do projeto é como oxigênio. Fazer o bem sem esperar nada em troca é muito gratificante", afirma Fuzil

    Os Médicos do Barulho recebem apoio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura Murilo Mendes. Mas, como o patrocínio não cobre todos os custos, os doutores vendem camisas. "Essa é outra forma de ajudar o projeto", declara. Os interessados em colaborar devem ligar para (32) 3083-0373 ou (32) 9962-6898.

    Visitas em JF
    • 12/03 (quarta), às 14h, no Hospital Ascomcer
    • 17/03 (segunda), às 17h, no Hospital de Pronto Socorro (HPS)
    • 17/03 (segunda), às 18h Santa, na Casa de Misericórdia
    • 19/03 (quarta), às 14h, no Hospital Universitário da UFJF
    • 19/03 (quarta), às 16h, no Pronto Atendimento Infantil (PAI)

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.