• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação

    Brincar é fundamental para o desenvolvimento da criança Nas férias a ordem é brincar, mas se der para aprender é melhor ainda. De bonecas a jogos, todo tipo de brincadeira é importante

    Marinella Souza
    *Colaboração
    02/01/2008

    Passaram as festas de fim de ano, a garotada continua de férias e os pais ficam enlouquecidos tentando criar alternativas para manter os pequenos entretidos. Televisão e jogos eletrônicos parecem ser as únicas maneiras de divertir as crianças e garantir o sossego dos pais, mas não são.

    A psicóloga Denise Brandão Mendes garante que os jogos e brinquedos mais simples são muito mais divertidos e funcionais para as crianças. Segundo ela, a tv e os brinquedos eletrônicos divertem, mas nem sempre são apropriados.

    "A televisão é um grande brinquedo: tem som, cor, imagem, ação, mas é um brinquedo só de introspecção. Com ela, a criança não aprende nada de concreto porque não pode tocá-la. Além disso, a gama de informações passadas pelo veículo pode ser muito mais do que a criança está preparada para receber", diz.

    A psicóloga ensina que em cada fase da vida a criança apresenta determinado nível de desenvolvimento cognitivo, psicomotor e emocional e nem sempre essa evolução é respeitada. "Com um brinquedo como o velotrol eletrônico, por exemplo, a criança vai se divertir, mas não vai desenvolver a psicomotricidade adequada".

    Foto de corda
de pular Foto de elástico
para pular Foto das
cinco marias

    Para ela, os brinquedos mais tradicionais como corda, elástico, amarelinha e jogos são as melhores alternativas em todas as faixas etárias porque brincam com a psicomotricidade e apresentam o mundo de forma lúdica.

    Brincar sempre

    Denise afirma que brincar é fundamental para o desenvolvimento do ser humano porque são os diversos tipos de brinquedos e brincadeiras que vão ensinar a criança a se relacionar com as pessoas e com as coisas.

    Segundo ela, os brinquedos contribuem para o aprendizado didáticos, como os conceitos de cor e forma. Para esse fim, Geiziane Bonoto, que trabalha no ramo de brinquedos há algum tempo, indica a tradicional seqüência de números e cores.

    "É uma barrinha numerada de um a nove, contendo pininhos com argolinhas coloridas. Em cada pininho a criança deve colocar a quantidade de argolinhas indicada na barra numerada", explica. É um jogo simples que ensina noções de numeração, cor e quantidade.

    Foto do jogo
Sequência de cores Foto de prateleira
de bonecas e carrinhos Foto do jogo Torre
Inteligente

    Denise destaca, ainda, a importância dos jogos. "Uma vez que precisam de mais de uma pessoa para jogar, os jogos ensinam as crianças a se relacionarem entre si. Além disso, trabalham com situações com as quais lidamos o tempo todo na vida: frustração, disputa, saber perder e saber vencer" , avalia.

    Geizeane apresenta o jogo Torre Inteligente, que contém várias fichas quadradas com quatro bolinhas, uma de cada, e pinos também coloridos. Cada criança deve colocar um pino em cada bolinha da cor correspondente. Quando os quatro espaços forem preenchidos, uma nova ficha é colocada sobre eles e a brincadeira continua.

    Segundo Geizeane, o grande barato desse jogo é que o número de pinos é menor do que o de fichas e chega uma hora em que os pinos de baixo têm que ser retirados para que a brincadeira possa continuar. "Assim, eles aprendem noções de equilíbrio, coordenação motora e concentração", explica.

    Denise ensina que nem só de brinquedos educativos é feita a diversão de uma criança. "Bonecas, carrinhos e fantoches também são muito importantes porque estimulam a parte mental. Em uma brincadeira dessas, a criança está trabalhando com a imaginação o tempo todo, ela se transporta para um outro mundo muito mais lúdico e isso é fundamental para o seu desenvolvimento".

    Sugestões interessantes

    Geizeane tem mais dicas de brinquedos que vão garantir a diversão da criançada e ajudá-los a desenvolverem melhor suas habilidades motoras, sociais, emocionais e mentais.

    "O Loto Leitura é um bingo que sorteia letras e palavras com o objetivo de ajudar a escola na alfabetização dos pequenos. É uma opção de brincadeira para toda a família", afirma.

    Foto do
jogo Loto Leitura Foto de futebol de moedas

    "Para ensinar os meninos a lidarem com a vitória e o fracasso e ainda trabalhar sua coordenação motora de uma forma bem divertida, a melhor opção é o futebol de moedas. Esse jogo contém um tabuleiro com o desenho de um campo de futebol e pininhos pretos posicionados como jogadores, a criança deve jogar uma partida de futebol utilizando moedas", explica.

    "Brincadeiras tradicionais como corda, elástico e cinco marias são uma excelente pedida para as meninas trabalharem equilíbrio e coordenação motora com bastante movimento e diversão", avalia.

    Foto de preteleira
de brinquedosFoto de prateleira
de jogos Foto de avental cor-de-rosa
contendo 5 marias, elástico e corda

    Para Geizeane, a grande vantagem desses brinquedos é que a criança pode brincar de verdade. "Eles não brincam sozinhos, não é só apertar um botão e pronto. A criança precisa brincar sozinha ou com os amiguinhos para que eles funcionem. Isso é muito melhor para ela", afirma.

    Enquete
    Você prefere presentear uma criança com um brinquedo eletrônico ou com jogos e brinquedos mais simples?
        Depende da idade da criança
        Tanto faz. Acho que os dois são educativos
        Os mais simples, porque estimulam mais a imaginação
        Os eletrônicos porque estamos na era tecnológica e as crianças aprendem mais rapidamente
       

    ATENÇÃO: o resultado desta enquete não tem valor de amostragem
    científica e se refere apenas a um grupo de visitantes do Portal ACESSA.com

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.