• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação

    Terça-feira, 18 de dezembro de 2007, atualizada às 16h25

    Candidato pode ser eliminado do PISM II da UFJF porque levou celular para sala de provas


    Thiago Werneck
    Repórter

    Um candidato(a) pode ser eliminado do Processo de Ingresso Seletivo Misto (PISM) II da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) porque levou o celular para dentro da sala de exames. Nas provas de biologia e física, dessa terça-feira, dia 18 de dezembro, o aparelho do(a) estudante tocou durante a prova e a pessoa foi identificada pelo fiscal.

    A Comissão Permanente de Vestibular (Copese) vai estudar o caso na noite dessa terça, para definir qual atitude será tomada. A decisão vai ser anunciada somente nessa quarta-feira, dia 19 de dezembro, momentos depois do início da prova. Já que antes, o candidato(a), que pôde terminar de fazer a prova, será comunicado pessoalmente sobre o que foi decidido.

    O edital do processo de seleção proíbe que equipamentos eletrônicos sejam levados para o local de prova. A Diretoria de Comunicação da UFJF afirmou ainda não poder revelar nome, nem sala do candidato. A informação é de que o fiscal identificou o infrator, comunicou a coordenação e agora a Copese deve decidir o que vai acontecer.

    O incidente aconteceu mesmo depois dos constantes avisos sobre a maior rigidez das regras para os exames que valem vaga em 2008. O diretor de comunicação da UFJF, Kleber Ramos, alerta os demais candidatos. "Não insistam nesse erro, pode não ser por má fé, mas todos devem ficar atentos já que o edital prevê a eliminação do candidato", reforça.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.