• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação

    Professores estaduais distribuem cerca de mil pamonhas durante protestoHá 26 dias em greve, profissionais comparam o doce de milho com o valor da educação em Minas Gerais

    Envie a sua foto pelo link SUA NOTÍCIA, clique aqui
    4/7/2011

    greve

    Professores da rede estadual de Juiz de Fora distribuíram cerca de mil pamonhas para a população juiz-forana, como forma de protesto diante da situação da educação no Estado. O ato foi realizado na tarde desta segunda-feira, 4 de julho, no Calçadão da rua Halfeld. Há 26 dias em greve, os profissionais ressaltam que a pamonha é o símbolo do valor da educação e Minas Gerais. "É a pamonha do Anastasia. Dentro do embrulho, o povo está sendo informado sobre as principais reivindicações dos trabalhadores", disse a diretora de Comunicação do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE) local, Yara Aquino, referindo-se a um panfleto, no qual estão expostas críticas ao governo de Minas Gerais.

    A avaliação de desempenho, a fila nos postos de saúde, a situação dos trabalhadores sem carteira, a falta de vagas nos hospitais, a falta de material de trabalho, as salas de aulas lotadas, a falta de equipamento de trabalho, o arrocho salarial, a estrutura física precária e a falta de segurança nas escolas são as principais causas do protesto, além da busca pela implantação do piso salarial nacional de R$ 1.187 para uma jornada de trabalho de, no máximo, 40 horas.

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.