• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação
    Segunda-feira, 9 de janeiro de 2012, atualizada às 19h29

    Medicina tem o maior ponto de corte nos três grupos do Vestibular da UFJF

    Da Redação
    estudantes

    As notas de corte da primeira fase do Vestibular da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) foram divulgadas nesta segunda-feira, 9 de janeiro. O curso de Medicina teve o maior ponto de corte nos três grupos: A (destinado a candidatos egressos de escola pública que se autodeclararam negros); B (egressos de escola pública) e C (para não-optantes). Em seguida, vêm Direito e Engenharia Civil, que também já faziam parte dos mais concorridos no último ano (ver tabela).

    A maioria dos cursos teve queda no ponto de corte em relação ao ano passado, ampliando as chances daqueles que pensavam não terem saído bem. No grupo A, em 27 cursos, houve redução da nota de corte e, em 13, aumento; no B, 30 ficaram menos concorridos e 12 mais disputados; e no C, 34 sofreram queda ao passo que nove tiveram aumento. Algumas graduações não puderam ser comparadas, como no caso da Música, por conta do pouco ou nenhum número de aprovados.

    As maiores notas de candidatos da UFJF no Enem foram registradas também em Medicina, sendo a mais elevada delas no grupo C, 4.118,8. Foram considerados aprovados para a segunda fase 4.839 candidatos. As provas discursivas deles, aplicadas em dezembro, serão corrigidas e suas notas divulgadas no dia 27 de janeiro, a partir das 11h, assim como as do módulo III do Pism. O resultado final, com a lista dos aprovados, sai no dia 6 de fevereiro, também às 11h. A matrícula será entre os dias 13 e 16 de fevereiro.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.