• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação
    Quinta-feira, 1 de novembro de 2012, atualizada às 17h

    Enem mobiliza estudantes juiz-foranos neste final de semana. PM e Settra terão esquema especial

    Da Redação
    Enem

    Entre os dias 3 e 4 de novembro, sábado e domingo, mais de 5,7 milhões de estudantes irão enfrentar as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em todo o Brasil. De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão do Ministério da Educação encarregado da aplicação do Enem, Minas Gerais é o segundo estado com maior número de inscritos, 653 mil alunos. Para atender a demanda em Juiz de Fora, a Polícia Militar (PM) e a Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra) montaram um esquema especial de atendimento no final de semana.

    Na última quarta-feira, 31 de outubro, foi publicado no Diário Oficial da União, a contratação da empresa que irá fornecer os 20 mil lacres eletrônicos, que serão testados na aplicação da prova deste ano. Os objetos garantem o acompanhamento dos horários de abertura e fechamento dos malotes de prova, desde o momento em que saem da gráfica até o retorno com as provas preenchidas. Conforme o Inep, nos 27 estados, irão trabalhar 450 mil fiscais, mobilizando ainda 72 batalhões do Exército, da Polícia Federal, Polícia Rodoviária e Polícia Militar.

    Neste ano, a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) está reservando 70% de suas vagas para o ingresso por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que utiliza a nota do Enem. Esta forma de seleção é a mesma para todos os 44 cursos de graduação oferecidos pela instituição. Os 30% restantes são dedicados ao Programa de Ingresso Seletivo Misto (Pism). É permitido aos candidatos tentar ingressar pelos dois processos. As provas do Pism serão aplicadas nos dias 20, 21 e 22 de janeiro.

    Instruções para o Enem

    Para realizar a prova, o candidato deverá levar apenas caneta esferográfica preta com corpo transparente e documento de identificação com foto. Em caso de perda do documento, o candidato deverá apresentar boletim de ocorrência datado de, no máximo, 90 dias da prova.

    Participantes flagrados com lápis, borracha, lapiseira, celulares e quaisquer outros tipos de aparelhos eletrônicos serão eliminados. Acessórios como bonés e óculos escuros também estão proibidos. Consultas a outros participantes e a manuais ou anotações desclassificam os candidatos. Demais utensílios e pertences que os candidatos estiverem usando deverão ser guardados em embalagem que será fornecida pelo fiscal de sala.

    Outra informação divulgada aos candidatos refere-se ao cartão de confirmação. Aquele estudante que não recebeu o cartão e também não conseguiu imprimi-lo na página do Enem, deverá ligar para o Inepm, no número 0800 61 61 61 para se informar sobre o local de prova.

    A prova

    A prova do Enem é composta por 180 questões objetivas, de quatro áreas do conhecimento, e uma redação dissertativa-argumentativa. No primeiro dia, 3, serão aplicadas a provas de Ciências Humanas e suas tecnologias, que engloba as disciplinas de história, geografia, sociologia e filosofia, e Ciências da Natureza e suas tecnologias que, por sua vez, abrange as matérias de química, física e biologia. Neste dia, o exame terá quatro horas e meia de duração. O Enem está marcado para começar impreterivelmente às 13h. Os portões serão abertos às 12h.

    Já no domingo, 4, as provas serão de Matemática e suas tecnologias, Redação e Linguagem, códigos e suas tecnologias. Esta área inclui, além das disciplinas de português e literatura, cinco questões de língua estrangeira. Deverá ser feita a língua escolhida no momento da inscrição, inglês ou espanhol. Não é possível mudar de opção no momento do exame. Por conta da redação, a prova terá uma hora a mais de duração, portanto, começará às 13h e encerrará às 18h30.

    Os gabaritos serão divulgados no dia 7 de novembro, no site do Inep. É importante que o candidato confira todos os seus dados pessoais, número de inscrição, a quantidade de questões do caderno de prova e a opção de língua estrangeira. No caso de qualquer dúvida, deve acionar o fiscal de prova. Os participantes só podem sair da sala duas horas depois do início. O caderno de prova só pode ser levado faltando meia hora para o término da prova. Quem descumprir essa regra, estará eliminado.

    Esquema da PM

    Os malotes de provas das cidades da região ficarão guardados, inicialmente, nas sedes das Unidades do Exército Brasileiro (EB) do município e, para a cidade de Viçosa, ficará na Unidade do EB em Belo Horizonte. Na véspera, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) fará a retirada das provas e sua condução para as unidades distribuidoras e, a partir deste momento, a PM iniciará as escoltas, visando dar segurança aos veículos dos Correios que vão conduzir o material.

    De acordo com a PM, as ocorrências que envolvam competência da Justiça Federal e, portanto, atribuição da Polícia Federal, serão tratadas pelos serviços de plantão das cidades onde possuem unidades: Belo Horizonte, Divinópolis, Governador Valadares, Juiz de Fora, Montes Claros, Uberaba, Uberlândia e Varginha. Somente casos de fraude, envolvendo falsificação de provas, vazamentos ou cola eletrônica deverão ser encaminhados à Polícia Federal. As demais ocorrências atendidas pela PM deverão ser encaminhadas à Polícia Civil.

    Ônibus extras

    Será disponibilizado atendimento especial de transporte coletivo para os estudantes durante os dias de realização do Enem. De acordo com a Settra, agentes de trânsito atuarão em pontos estratégicos da cidade e as linhas 211, 214 e 221 seguirão os seguintes quadros de horários extras:

    • Sábado – 3/11

    - A linha 214 (Bairu/Cruzeiro do Sul) atenderá os candidatos que farão provas na Faculdade Machado Sobrinho com os seguintes horários extras: Saídas do Bairu: 11h03; 11h10; 11h24; 11h38; 11h45; 11h59; 12h06; 12h20; 12h34; 12h41;

    - A linha 221 (Bom Pastor/Santa Catarina) atenderá os candidatos que farão provas no Colégio de Aplicação João XXIII com um veículo extra, que terá saída do Bom Pastor às 11h23;

    • Domingo – 4/11

    - A linha 211 (Rio Branco) atenderá os candidatos que farão provas na Universidade Estácio de Sá com dois veículos extras, seguindo o seguinte quadro de horários: Saídas do Manoel Honório: 10h56; 11h05; 11h40; 11h53; 12h32; 12h41. Saídas do Cruzeiro do Sul: 11h20; 11h29; 12h08; 12h17; 12h56; 13h05.

    - A linha 214 (Bairu/Cruzeiro do Sul) atenderá com um veículo extra, seguindo o seguinte quadro de horários: Saídas do Bairu: 11h08; 11h20; 11h33; 11h45; 11h50; 11h58; 12h05; 12h10; 12h23; 12h35.

    - A linha 221 (Bom Pastor/Santa Catarina) atenderá com um veículo extra, que terá saídas do Bom Pastor às 11h23 e às 11h45 (ver mapas).

    Os textos são revisados por Juliana França

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.