Neste domingo (7), se comemora o Dia do Documentário Nacional e, para o cineasta juiz-forano Daniel Couto, essa data será ainda mais especial. O documentário codirigido pelo professor dos cursos de Comunicação e Design do Centro Universitário Estácio Juiz de Fora, “Piranga, o Herói Taciturno”, acaba de ser selecionado para um festival internacional na Colômbia.

Dentre 2.200 filmes, vindos de 122 países dos cinco continentes, a produção do juiz-forano figura entre os 80 selecionados para l Cine Suma Paz, um festival voltado para temas de meio ambiente e cultura da paz.

O filme foi gravado em 2021 em Ponte Nova, Piranga, Ressaquinha e Santa Cruz do Escalvado e fala sobre a missão do rio, surgida a partir do rompimento da barragem do Fundão, em Mariana, em 2015. Quem dá voz ao rio é o premiado ator Jackson Antunes. Todas as informações sobre o filme podem ser conferidas na página no Instagram. O festival ocorrerá de 10 a 24 de setembro, em Bogotá, Colômbia.

Foto: Divulgação redes sociais


Neste domingo (7), se comemora o Dia do Documentário Nacional e, para o cineasta juiz-forano Daniel Couto, essa data será ainda mais especial. O documentário codirigido pelo professor dos cursos de Comunicação e Design do Centro Universitário Estácio Juiz de Fora, “Piranga, o Herói Taciturno”, acaba de ser selecionado para um festival internacional na Colômbia.

Dentre 2.200 filmes, vindos de 122 países dos cinco continentes, a produção do juiz-forano figura entre os 80 selecionados para l Cine Suma Paz, um festival voltado para temas de meio ambiente e cultura da paz.

O filme foi gravado em 2021 em Ponte Nova, Piranga, Ressaquinha e Santa Cruz do Escalvado e fala sobre a missão do rio, surgida a partir do rompimento da barragem do Fundão, em Mariana, em 2015. Quem dá voz ao rio é o premiado ator Jackson Antunes. Todas as informações sobre o filme podem ser conferidas na página no Instagram. O festival ocorrerá de 10 a 24 de setembro, em Bogotá, Colômbia.

Foto: Divulgação redes sociais

-

Neste domingo (7), se comemora o Dia do Documentário Nacional e, para o cineasta juiz-forano Daniel Couto, essa data será ainda mais especial. O documentário codirigido pelo professor dos cursos de Comunicação e Design do Centro Universitário Estácio Juiz de Fora, “Piranga, o Herói Taciturno”, acaba de ser selecionado para um festival internacional na Colômbia.

Dentre 2.200 filmes, vindos de 122 países dos cinco continentes, a produção do juiz-forano figura entre os 80 selecionados para l Cine Suma Paz, um festival voltado para temas de meio ambiente e cultura da paz.

O filme foi gravado em 2021 em Ponte Nova, Piranga, Ressaquinha e Santa Cruz do Escalvado e fala sobre a missão do rio, surgida a partir do rompimento da barragem do Fundão, em Mariana, em 2015. Quem dá voz ao rio é o premiado ator Jackson Antunes. Todas as informações sobre o filme podem ser conferidas na página no Instagram. O festival ocorrerá de 10 a 24 de setembro, em Bogotá, Colômbia.

Foto: Divulgação redes sociais