Juiz de Fora - MG

Quinta-feira, 16 de setembro de 2010, atualizada às 13h22

Pesquisa aponta empate técnico entre Hélio Costa e Antônio Anastasia

Clecius Campos
Repórter

Pesquisa realizada pelo Instituto Data Tempo/CP2 dá como acirrada a disputa pelo Governo do Estado. Hélio Costa (PMDB) e Antônio Anastasia (PSDB) aparecem tecnicamente empatados, levando-se em conta a margem de erro de 2,16%. Segundo o levantamento, feito entre 11 e 13 de setembro, o candidato peemedebista tem 38,9% das intenções de voto, enquanto o tucano aparece com 35,81%, na pesquisa estimulada. Indecisos somam 18,73% e nulos 3,28%. Nenhum dos outros concorrentes ao governo chegou a 1% das intenções de voto.

Na simulação de segundo turno, Costa venceria Anastasia com 42,42% dos votos, contra 37,98% do rival. Não souberam e não responderam, 14,97%. Brancos e nulos somam 4,63%. A pesquisa ouviu 2.062 eleitores em todas as regiões de Minas.

O panorama também aponta empate na pesquisa espontânea. Costa aparece com 22,97% e Anastasia com 24,81%. Porém, o número de eleitores indecisos sobe para 40,83%. O índice tem crescido sistematicamente desde o início do mês. No levantamento divulgado no dia 3, 34,08% dos entrevistados afirmaram não saber em quem votar. Na pesquisa divulgada no dia 11, o índice já havia subido para 36,36%. Segundo a pesquisa, 5% dos entrevistados disseram não conhecer os concorrentes. O índice era de 12,71% em 3 de setembro e de 8,90% no dia 11.

Vices pesam na decisão

Quando os nomes dos vices entram na disputa, a chapa formada por Costa e Patrus Ananias (PT) tem vantagem acima da margem de erro. A dupla fica com 40,54%, contra 36,82% de Anastasia e Alberto Pinto Coelho (PP). Com os nomes das chapas apresentadas, são 17,19% de indecisos e 4,29% de brancos e nulos.

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.