• Assinantes
  • Autenticação
  • Tecnologia
    Revistas eletrônicas
    A publicação de revistas eletrônicas é um dos principais recursos de pesquisa de estudantes e professores

    Sílvia Zoche
    Repórter
    16/11/05

    Clique nos ícones ao lado e ouça a opinião da estudante de Mestrado Luciana Arruda e da professora Vanda Arantes do Vale sobre as publicações de revistas online

    As revistas eletrônicas têm se tornado uma boa fonte de pesquisa para professores e estudantes. A vantagem de ter uma revista na internet é que, enquanto as publicações impressas são consultadas, principalmente, por pessoas da cidade e universidade em que foram editadas, os eletrônicos podem ser vistos por pessoas de qualquer canto do Brasil, quanto em outros países.

    Os estudantes de mestrado em Letras pela UFJF, Gabriel da Cunha Pereira e Luciana Arruda, apesar de dizerem que, pela internet, os textos atingem muito mais alunos, acreditam que o online deve estar aliado ao impresso. "O online possui uma abrangência maior, mas nem todos têm acesso", acreditam os estudantes, que também são membros da comissão editorial da revista eletrônica Gatilho.

    O professor e gerente de produção da revista online Virtú, Ignácio José Godinho Delgado, concorda. "Há revistas impressas que têm edições eletrônicas, mas não abdicam da versão impressas. Por quê? Creio que foi Mário de Andrade que disse que 'eterno é o que para em pé na estante'. Nada vai substituir o livro", afirma Delgado. Mas ele sabe que as publicações eletrônicas tendem a firmar-se, devido à redução de custos e facilidade de acesso.

    A diretora da Clio Edições Eletrônicas, Vanda Arantes do Vale, diz-se uma entusiasta do meio virtual, que divulga e publica textos acadêmicos. "O intercâmbio é maior. A gente percebe isso em simpósios, conferências... No XXIII Simpósio Nacional de História, por exemplo, recebi um CD ROM com tudo publicado. A internet mudou a forma de divulgação dos trabalhos. A CAPES orienta que toda dissertação e teses sejam publicadas na internet. Dessa forma, qualquer pessoa, de qualquer parte, poderá ter acesso. A tendência é essa e acho ótimo", diz.

    Montagem
    Mesmo não substituindo o livro, os eletrônicos são aliados que proporcionam a divulgação de textos, como os acadêmicos. Montar um online pode não ser algo tão complicado, mas publicações de qualidade e reconhecimento exigem um trabalho árduo. Assim como livros, anais, revistas impressas, as revistas eletrônicas precisam obter o registro ISSN, concedido pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia IBICT.

    Em 2004, alguns alunos do Mestrado de Letras da UFJF tiveram a iniciativa de reativar a Revista Gatilho, que já possuiu dois volumes impressos, mas desta vez na internet. "Além da abrangência, o custo é mais baixo. Contamos com o incentivo da coordenadora do mestrado de Letras, professora Maria Clara. Ela pediu apoio da coordenadora do curso de graduação para que a revista fosse somente do curso de Letras e vinculada à UFJF", explica Gabriel.

    Aprovada a idéia, os alunos contrataram o webdesigner João Paulo Machado. "Junto com ele, montamos a revista em cerca de três meses, com a ajuda do professor Alexandre Faria", diz Gabriel (foto acima). Escolheram um conselho editorial permanente, formado por professores - que analisam os textos que podem ou não ser publicados - e a comissão editorial, formada por alunos, que deve atuar durante um ano. "É para dar credibilidade à revista", explica Luciana (foto acima).

    Em seguida, fizeram textos (artigos, resenhas, contos, crônicas e poemas) e montaram a revista nº 0. "Ela foi avaliada pelo IBICT e somente nesta segunda revista vamos ter o ISSN. Com o registro, os textos têm reconhecimento", dizem os alunos.

    Ignácio Delgado (foto ao lado) enfatiza a importância da presença de conselho consultivo, indexação e periodicidade das revistas eletrônicas para não se correr o risco de banalização. A Virtú foi lançada em outubro deste ano e Delgado conta que o maior desafio "é garantir continuidade com qualidade. Se a continuidade não existe ou a qualidade não é garantida, o veículo pode perder reconhecimento".

    Algumas revistas

  • Clio Edições Eletrônicas
  • Gramsci e o Brasil
  • Revista Agulha
  • Revista Episteme
  • Revista Gatilho
  • Revista Par'a'iwa
  • Revista Prodígia
  • Revista Semiosfera
  • Revista Virtú
  • Revista de Estudos da Religião
  • Revista Brasileira de Ciências Sociais


  • O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.