Terça-feira, 02 de outubro de 2007, atualizada às 15h34

Cresce a venda de carros no mês de setembro


Marinella Souza
*Colaboração

Com a proximidade do fim do ano, o setor automotivo registra aumento significativo nas vendas. Em comparação com o ano passado, o setor cresceu 29,54% em setembro, de acordo com dados divulgados pela Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Em Juiz de Fora, a venda de carros também aumentou cerca de 20% no mês de setembro segundo o gerente de vendas, Rogério Fontes. Para ele, o crescimento pode ser justificado pelas facilidades no financiamento e nas trocas de veículos.

Por outro lado, há ainda concessionárias da cidade que lamentam a má fase do mercado e não apostam em um aumento de vendas satisfatório. É o caso do gerente de vendas, Jardel Mattos Pacheco, para quem nos últimos três meses o mercado mostrou-se hostil. Segundo Pacheco, não houve aumento, mas uma queda nas vendas nesse período.

Dicas do Procon na hora de comprar um carro
  • Como os preços dos carros usados costumam variar muito, o ideal é pesquisar bastante
  • O Código de Defesa do Consumidor assegura um prazo de 90 dias para reclamações no caso de problemas de fácil constatação, o que vale somente para as compras efetuadas em estabelecimentos comerciais
  • Se os problemas não forem aparentes e de fácil constatação (ocultos), a reclamação poderá ser formalizada quando esses surgirem, obedecendo o prazo legal de 90 dias (leia item abaixo)
  • Nunca efetue sua compra antes de verificar se o veículo foi furtado ou se apresenta multas pendentes. O Detran informa a situação cadastral do veículo — como multas, alienação ou bloqueios administrativos — em consulta pessoal ou pela internet (http://www.detran.df.gov.br)
  • É aconselhável levar um profissional de confiança para verificar as condições do veículo escolhido
  • Não deixe de checar se todos os comandos estão funcionando tais como faróis, limpadores de pará-brisa, desembaçador, pisca-pisca, pisca alerta etc. Caso o carro possua itens opcionais é recomendável testar o desempenho dos mesmos
  • Fique atento quanto à documentação exigida na hora de fechar o contrato: Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores – IPVA; seguro obrigatório – DPVAT; certificado de registro e licenciamento de veículos e certificado de registro. No caso de carro importado, exigir a 4ª via de importação
  • Só aceite documentos originais. Recuse papéis com rasuras ou fotocópias, mesmo que autenticadas

    Fonte: Procon de São Paulo

*Marinella é estudante de Comunicação da UFJF

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.