Segunda-feira, 22 de junho de 2009, atualizada às 16h05

Mais de R$ 52 milhões em negócios são encaminhados durante Feirão da Casa Própria. Expectativa é de que 80% sejam fechados

Clecius Campos
Repórter

Cerca de sete mil pessoas visitaram o Feirão da Casa Própria, que encaminhou 712 negócios em Juiz de Fora. O número gera, aproximadamente, R$ 52,6 milhões em financiamentos imobiliários, valor 17 vezes maior que o esperado.

Segundo avaliação do gerente regional de negócios da Caixa, Arnaldo Barcellos Neto, o saldo do evento, realizado no último final de semana, 20 e 21 de junho, é positivo. "Os números subiram bastante em relação ao ano anterior. Em 2008, quatro mil pessoas compareceram ao Feirão, que movimentou R$ 3 milhões em financiamentos."

Segundo Neto, a principal causa do aumento no número de negócios foi a redução dos juros no crédito imobiliário. Eles permitiram prestações até 10,58% mais baratas. "Este foi o fator decisivo para o aquecimento da oferta de imóveis."

Para o gerente, o crescimento na procura é sinal de que a crise econômica que assolou o país nos últimos meses está superada. "A grande busca por financiamentos habitacionais mostra que o país vive um momento mais confiante." A expectativa é de que 80% dos negócios encaminhados sejam fechados nos próximos dez dias. "Esse é o tempo médio que o comprador leva para voltar à Caixa e assinar o contrato."

Os textos são revisados por Madalena Fernandes

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.