Fernando Ribeiro
O mestre da técnica e da disputa no taekwondo

Colaboração:
*Renata Silva
21/09/04

Mestre Fernando Ribeiro fala sobre os benefícios da prática do taekwondo e aponta os resultados físicos adquiridos com a arte marcial

Ouça!

Foto Divulgação Ninguém pode imaginar que uma pessoa calma e de voz serena iria se interessar pela prática do taekwondo. Pois acredite! Foi assim que aconteceu com Fernando Moreira Ribeiro, há 25 anos. Ele se apaixonou pelo esporte no ano de 1978, quando o grão-mestre, Jung Roul Kin, ministrou uma palestra em Juiz de Fora.

"Assistia a filmes de artes-marciais e gostava do assunto", recorda. Após a palestra, Fernando continou a pesquisar sobre a modalidade e deu início a sua carreira esportiva. O fã dos filmes de Bruce Lee tornou-se personagem principal de uma história real: a do taekwondo nacional.

Até a 4ª faixa branca, Ribeiro contou com o guru Jung Roul. Atualmente, é faixa preta 5º DAN e técnico da Seleção Juizforana de Taekwondo. Seu nome carrega também a responsabilidade pelo desenvolvimento dos atletas Siloe Maldonado , Rafael Albuquerque, Gabriel Ribeiro, Douglas Lima Machado, Thiago Guimarães, Rafael Neves, Marcelus Batista, Adriano Pereira, José Osmar de Souza, Luiz Renato Siqueira, Emerson de Castro Cruz, Nilsom Carlos Lacerda, Alan de Oliveira, Mary Lucia de castro, Sérgio de Souza e Robson de Almeida.

Vida de Mestre não é nada fácil
Para chegar a essa posição, Mestre Fernando esbarrou por muitos obstáculos que permeiam a vida dos atletas brasileiros. A falta de apoio e patrocínio são os principais fatores apontados por ele. No entanto, o técnico ressalta também a falta de uma estrutura maior para o incentivo aos atletas. "Precisamos de um trabalho amplo, que envolva o Estado, empresários, imprensa e a sociedade em geral", completa.

Apesar das dificuldades, ele encontrou uma alternativa que reuniu sobrevivência e realização pessoal. "Optei pelas aulas para conseguir uma forma de renda. Infelizmente, não dá só para ser bom, precisamos de treinar e ter patrocínio para participar das competições", diz.

Os destaques
A carreira dupla de técnico e atleta trouxe ao mestre muitas conquistas. No ano de 1996, ele levou para casa o título de Campeão Mineiro e Brasileiro de Taekwondo. Agora em 2004, conquistou o Campeonato Mundial Open em Curitiba.

O pionerismo marca também sua trajetória, onde Fernando foi o 1º árbitro internacional brasileiro nato a atuar em um Campeonato Mundial oficial pela The World Taekwondo Federation.

Como técnico, comemorou a classificação de Flávia Moreira para os jogos Sulamericanos em Cuenca - Equador e de Thais Soares Ventura para o Mundial em Stambul. Os atletas Antônio Márcio e Fábio Carlos Lucas são também motivo de muito orgulho para o técnico. O primeiro conquistou o t– Troféu de Melhor técnica da Eo-c Copa, já o segundo foi medalha de ouro no mesmo campeonato.

Renata Silva é estudante do 7º período da Faculdade de Comunicação da UFJF.



Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.