Sábado, 9 de abril de 2011, atualizada às 9h10

Ovos com brindes são até 47% mais caros que os recheados com bombons

Clecius Campos
Subeditor
Foto de ovos de chocolate

Agradar a criançada com ovos de Páscoa recheados por brindes sai mais caro. Em Juiz de Fora, os doces que trazem brinquedos são até 47% mais caros que os ovos recheados apenas com bombons. A primeira pesquisa do Disque Páscoa, realizada pela Secretaria de Agropecuária e Abastecimento (SAA) da Prefeitura de Juiz de Fora, mostra que um ovo Batom, número 15, com 180 gramas de chocolate custa R$ 15,98, enquanto um ovo com um brinquedo da personagem Moranguinho, com a mesma quantidade de doce, sai por R$ 23,50.

O preço é mais caro que o ovo puramente de chocolate quando a comparação é feita com qualquer doce recheado por brindes. A menor variação é percebida entre o Batom de 180 gramas e o Surpresa Superman, com o mesmo peso, que custa R$ 21,40: 34% mais caro. Segundo dados da pesquisa, os ovos com brindes e com menos chocolate também são mais caros que os doces recheados de bombons. Um ovo Hot Wheels, com 170 gramas, custa R$ 20,94, 31% mais caro que o Batom de 180 gramas e 38,7% mais caro, considerando-se a proporção do peso.

O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) alerta para o apelo publicitário presente nas embalagens dos ovos direcionados ao público infantil. Uma pesquisa realizada pelo instituto analisou 12 ovos de Páscoa de seis marcas diferentes e constatou variações de preço que podem chegar a 42%, proporcionalmente, na cidade de São Paulo. Mais que isso, o órgão identificou a necessidade de atenção dos pais para que os filhos não sofram frustração quando abrirem o chocolate. Isso porque, segundo o Idec, muitas vezes, a imagem que estampa a embalagem não corresponde aos brindes internos, que podem ter cores diferentes e, geralmente, são menores.

Uma alternativa, indicada pelo Idec, é adquirir brinquedos separados e, se a criança fizer questão de consumir o doce, comprar uma barra de chocolate. A medida evitaria a frustração e pesaria menos no bolso. Segundo dados da pesquisa realizada pelo instituto, a diferença de preço fica ainda maior se a comparação for feita com uma barra de chocolate de 170 gramas e um ovo com brinde de 180 gramas. O Idec percebeu que 100 gramas desse ovo com motivos infantis custam três vezes e meia mais que a mesma quantidade do chocolate ao leite da barra.

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.