Juiz de Fora - MG

Sexta-feira, 6 de novembro de 2015, atualizada às 15h56

Rejeito de mineradora não é danoso à saúde, diz Samarco

O rejeito que estava depositado nas represas das barragens que se romperam na cidade de Mariana, na última quinta-feira, 5 de novembro, não são danosos à saúde, segundo a Samarco Mineração. “O rejeito é inerte. Ele é composto, em sua maior parte, por sílica (areia) proveniente do beneficiamento do minério de ferro e não apresenta nenhum elemento químico que seja danoso à saúde”, diz a empresa em nota enviada à imprensa, nesta sexta-feira.

O Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Minas Gerais (Sisema) informou que as consequências para o meio ambiente serão identificadas assim que a Defesa Civil liberar o local para averiguações. “As causas e responsabilidades pelo ocorrido serão apuradas pelo governo de Minas, sendo que as medidas cabíveis vão ser tomadas”.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.