Cal Coimbra Cal Coimbra 23/12/2011

Neste Natal, alegria e riso

Foto de gargalhadaO sistema audiofonatório foi base necessária para o desenvolvimento posterior da cultura para expressão e comunicação. Então, conclui-se que a voz é o ser humano aqui, agora, ontem, no passado, na história e na pré-história. A nossa história, vivência, experiências emocionais, nosso momento histórico e as circunstâncias gerais em que nos vemos envolvidos estão imbuídos de significados na nossa comunicação.

Que características possibilitam ao ser humano envolvimento social?

A espécie humana distingue-se por algumas características peculiares. Desde quase o início de sua vida, produz "melodia" com a voz: praticamente desde que nasce, chora expressivamente e com lágrimas. Além disso, possui linguagem articulada. A natureza humana caracteriza-se pela alegria, risos e brincadeiras, que são vocações lúdicas associadas à vocação audiofonatória. O riso é uma característica inata e específica que constitui, inclusive, um reflexo da maior importância no bebê.

O fato é que o riso fácil é uma característica típica das crianças, dos adolescentes e dos adultos jovens, das pessoas mais simples e das comunidades humanas mais primitivas. São variações de voz, porque são produzidos com o mesmo ar sonorizado no laringe.

A voz transforma-se em fala para realizar o pensamento, mas a fala também se transforma em voz para interrogar, exclamar, acentuar, destacar, enfatizar.

Essas considerações nos permitem levantar a hipótese de que as primeiras manifestações vocais do ser humano provavelmente não tiveram aspectos tão agreste e rude quanto se supõe. Estimulado por sua criatividade e natureza brincalhona, desde cedo, esse jogo vocal veio mostrando sua utilidade na comunicação.

Que neste final de ano, consigamos usar as emoções para demonstrar mais alegria, sorrisos, felicidade com muitas brincadeiras juntos aos nossos.

Feliz Natal e próspero ano novo!

Até 2012.

Mais artigos

Cal Coimbra
é psicóloga e doutora em Fonoaudiologia.

-
Cal Coimbra Cal Coimbra 23/12/2011

Neste Natal, alegria e riso

Foto de gargalhadaO sistema audiofonatório foi base necessária para o desenvolvimento posterior da cultura para expressão e comunicação. Então, conclui-se que a voz é o ser humano aqui, agora, ontem, no passado, na história e na pré-história. A nossa história, vivência, experiências emocionais, nosso momento histórico e as circunstâncias gerais em que nos vemos envolvidos estão imbuídos de significados na nossa comunicação.

Que características possibilitam ao ser humano envolvimento social?

A espécie humana distingue-se por algumas características peculiares. Desde quase o início de sua vida, produz "melodia" com a voz: praticamente desde que nasce, chora expressivamente e com lágrimas. Além disso, possui linguagem articulada. A natureza humana caracteriza-se pela alegria, risos e brincadeiras, que são vocações lúdicas associadas à vocação audiofonatória. O riso é uma característica inata e específica que constitui, inclusive, um reflexo da maior importância no bebê.

O fato é que o riso fácil é uma característica típica das crianças, dos adolescentes e dos adultos jovens, das pessoas mais simples e das comunidades humanas mais primitivas. São variações de voz, porque são produzidos com o mesmo ar sonorizado no laringe.

A voz transforma-se em fala para realizar o pensamento, mas a fala também se transforma em voz para interrogar, exclamar, acentuar, destacar, enfatizar.

Essas considerações nos permitem levantar a hipótese de que as primeiras manifestações vocais do ser humano provavelmente não tiveram aspectos tão agreste e rude quanto se supõe. Estimulado por sua criatividade e natureza brincalhona, desde cedo, esse jogo vocal veio mostrando sua utilidade na comunicação.

Que neste final de ano, consigamos usar as emoções para demonstrar mais alegria, sorrisos, felicidade com muitas brincadeiras juntos aos nossos.

Feliz Natal e próspero ano novo!

Até 2012.

Mais artigos

Cal Coimbra
é psicóloga e doutora em Fonoaudiologia.

Cal Coimbra Cal Coimbra 23/12/2011

Neste Natal, alegria e riso

Foto de gargalhadaO sistema audiofonatório foi base necessária para o desenvolvimento posterior da cultura para expressão e comunicação. Então, conclui-se que a voz é o ser humano aqui, agora, ontem, no passado, na história e na pré-história. A nossa história, vivência, experiências emocionais, nosso momento histórico e as circunstâncias gerais em que nos vemos envolvidos estão imbuídos de significados na nossa comunicação.

Que características possibilitam ao ser humano envolvimento social?

A espécie humana distingue-se por algumas características peculiares. Desde quase o início de sua vida, produz "melodia" com a voz: praticamente desde que nasce, chora expressivamente e com lágrimas. Além disso, possui linguagem articulada. A natureza humana caracteriza-se pela alegria, risos e brincadeiras, que são vocações lúdicas associadas à vocação audiofonatória. O riso é uma característica inata e específica que constitui, inclusive, um reflexo da maior importância no bebê.

O fato é que o riso fácil é uma característica típica das crianças, dos adolescentes e dos adultos jovens, das pessoas mais simples e das comunidades humanas mais primitivas. São variações de voz, porque são produzidos com o mesmo ar sonorizado no laringe.

A voz transforma-se em fala para realizar o pensamento, mas a fala também se transforma em voz para interrogar, exclamar, acentuar, destacar, enfatizar.

Essas considerações nos permitem levantar a hipótese de que as primeiras manifestações vocais do ser humano provavelmente não tiveram aspectos tão agreste e rude quanto se supõe. Estimulado por sua criatividade e natureza brincalhona, desde cedo, esse jogo vocal veio mostrando sua utilidade na comunicação.

Que neste final de ano, consigamos usar as emoções para demonstrar mais alegria, sorrisos, felicidade com muitas brincadeiras juntos aos nossos.

Feliz Natal e próspero ano novo!

Até 2012.

Mais artigos

Cal Coimbra
é psicóloga e doutora em Fonoaudiologia.