Combate ? dengue recebe investimento de R$ 475 mil Secretaria de Sa?de recebe ainda verbas para cirurgias eletivas
e credenciamento de leitos

Daniele Gruppi
Rep?rter
17/10/2008
Madalena Fernandes
Revisora

A Secretaria de Sa?de, Saneamento e Desenvolvimento Ambiental de Juiz de Fora planeja investir R$ 475 mil no combate ? dengue. A verba vai ser liberada pelo Governo Estadual. Segundo o secret?rio Cl?udio Mois?s Lacerda Reis, o objetivo ? abortar o risco de epidemia em Juiz de Fora.

O dinheiro ser? investido em contrata??o de m?o-de-obra qualificada, como epidemiologistas, e na capacita??o dos profissionais. Atualmente, 640 agentes trabalham no combate ? dengue, sendo 140 na endemia e 500 no processo de educa??o da popula??o. Al?m disso, ser?o adquiridos novos equipamentos para a prote??o individual dos funcion?rios, al?m de seis bombas costais.

Reis afirma que a Secretaria realiza um sistema informatizado de geoprocessamento - o SISdengue - dos casos de dengue para saber est?o os principais focos. Para isso, s?o analisados os casos notificados, suspeitos e confirmados. Os dados v?o ser disponibilizados na p?gina da Prefeitura dentro de um m?s, no m?ximo, dois meses. "O procedimento vai dar mais transpar?ncia ? luta contra a dengue".

N?meros de casos

Aumenta o n?mero de casos de dengue em Juiz de Fora. A Secretaria de Sa?de registra 487 casos de dengue em 2008, sendo 411 locais e 76 importados. Em 2006, foram notificados, em Juiz de Fora, 16 casos de dengue, sendo oito importados. Em 2007, o n?mero subiu para 364, 315 casos locais e 49 importados.

Combate ao mosquito

Na pr?xima segunda-feira, dia 20 de outubro, ser? realizado o Mutir?o contra a Dengue, nos bairros J?quei Clube I e J?quei Clube II, com uma a??o especial para coleta do "lixo da dengue".

O Demlurb ir? retirar a sujeira acumulada nas cal?adas, no per?odo das 07h ?s 17h, utilizando dois caminh?es, oito servidores e equipamentos manuais. Os moradores dos bairros atendidos podem colaborar mais ainda para agilizar o servi?o de coleta, juntando materiais que acumulam ?gua e se transformam em local apropriado para a procria??o do mosquito da dengue, como pneus velhos e garrafas.

O trabalho de conscientiza??o da popula??o come?ou na ?ltima segunda-feira, 13 de outubro. A a??o se repete no bairro S?o Judas Tadeu, no dia 03 de novembro.

Libera??o de verbas

Al?m da libera??o da verba para o combate ? dengue, a Secret?ria de Sa?de conseguiu R$ 1 milh?o e 400 mil para serem destinados ?s cirurgias eletivas (n?o t?m car?ter de urg?ncia). A expectativa ? de que os procedimentos possam ser iniciados em 20 dias e que 100% das cirurgias sejam realizadas no per?odo de seis a oito meses.

"Existem cerca de oito mil laudos de cirurgias. O custo m?dio de cada uma ? calculado em R$ 300. Seria preciso R$ 2 milh?es e 400 mil. Somando esfor?os, Juiz de Fora e os munic?pios vizinhos v?o adquirir a quantia de R$ 1 milh?o, para zerar a fila para cirurgias eletivas", afirma Reis.

Os leitos de UTI do munic?pio tamb?m receber?o uma verba de R$ 115 mil. O dinheiro ser? aplicado no credenciamento de dez leitos de UTI adulto da Maternidade Therezinha de Jesus e na reclassifica??o de dez leitos de UTI do Hospital Universit?rio, que passar?o da complexidade tipo 1 para tipo 2.

O Governo estadual repassa ainda R$ 1 milh?o e 400 mil para recomposi??o do teto da alta complexidade. Reis revela que j? foram depositados R$ 900 mil, correspondentes ? primeira parcela do extrapolamento de 2007. A Secretaria ainda vai receber R$ 600 mil dentro de um m?s, referente ao extrapolamento de 2008.