Quinta-feira, 20 de novembro de 2008, atualizada às 18h26

Juiz de Fora tem índice de infestação da dengue satisfatório, aponta Ministério da Saúde



Guilherme Arêas
Repórter

Segundo levantamento do Ministério da Saúde, Juiz de Fora tem um índice de infestação da dengue considerado satisfatório. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira, 20 de novembro, através do Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa).

Na escala de infestação, o município apresentou o índice 0,6%, o mesmo de 2007. A situação satisfatória é decretada quando as cidades atingem até 1% de infestação. Entre 1% e 3,9%, é considerado estado de alerta. Acima de 4%, as cidades enfrentam a possibilidade de surto de dengue.

O estudo apontou, ainda, que 63,8% dos focos predominantes do mosquito da dengue em Juiz de Fora, foram encontrados em residências. No sistema de abastecimento de água foram encontrados 23,4% dos criadouros. Os 12,8% restantes estavam no lixo.

Dos 24 municípios mineiros que participaram do levantamento, sete estão em situação de alerta: Coronel Fabriciano, Governador Valadares, Ipatinga, Ribeirão das Neves, Sete Lagoas, Timóteo e Vespasiano.

O LIRAa tem como objetivo identificar com antecedência as áreas de maior risco de formação de criadouros do mosquito transmissor. Os resultados permitem o planejamento e a intensificação de ações de combate ao vetor da doença, assim como as atividades de mobilização, comunicação e de educação.

Conteúdo Recomendado