• Assinantes
  • Autenticação
  • Juiz de Fora tem 22 casos de dengue

    As informações abaixo foram enviadas pela assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora 19/3/2009

    O Departamento de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde contabilizou, nesta quinta-feira, dia 19, mais dois casos de dengue em Juiz de Fora, somando um total de 22 em 2009. Eles são autóctones, ou seja, contraídos na própria cidade, sendo um no bairro Santa Cruz e outro no bairro Santa Terezinha. O levantamento revela, ainda, que foram feitas 110 notificações, e não 116 como fora divulgado, com 81 casos descartados.

    A situação, segundo a Secretaria de Saúde, continua sob controle, tendo sido registrado até o momento apenas cerca de um terço do que foi confirmado em todo o mês de março do ano passado. Mas ela alerta que apenas os esforços despendidos pela Prefeitura não são suficientes para manter esse quadro, sendo necessário o engajamento de toda a sociedade.

    Seguindo orientações da Secretaria de Estado da Saúde, a Secretaria Municipal já está dando início ao seu plano de contingência, para o caso de uma epidemia da doença. Os trabalhos consistem no ajustamento dos planos dos anos de 2007/2008. No próximo dia 26 haverá uma ampla reunião para se fazer a readequação das ações, que visam atender não só aos pacientes de Juiz de Fora, como também àqueles de municípios da microrregião pactuada.

    De acordo com o subsecretário de Atenção Primária, Cláudio Reis, este aspecto é preocupante, porque o mosquito da dengue, o Aedes aegypti, não conhece fronteiras e também não se sabe ainda como está a situação nesses municípios. “Temos que estar preparados”, afirmou.

    No próximo sábado, dia 21, haverá uma carreata de mobilização em parte da Zona Norte alertando os moradores sobre como evitar o mosquito da dengue. Na segunda-feira, terá início o Levantamento do Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa), bem como a leitura das mais de mil armadilhas instaladas no município, para se ter conhecimento das localidades mais afetadas e, assim, direcionar a elas o trabalho de vistoria, colocação de inseticida e conscientização. Todas essas ações do poder público têm como finalidade reduzir a infestação da dengue, que, no ano passado, chegou a ter mais de 500 casos confirmados.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720