Azeite ? alimento que faz bem ? sa?de Apesar de conter vitaminas e prevenir doen?as cardiovasculares,
o azeite n?o ? indicado para quem quer emagrecer

Priscila Magalh?es
Rep?rter
22/07/2008

Produzido exclusivamente a partir da azeitona, o azeite de oliva ? largamente utilizado para temperar saladas, finalizar pratos e para frituras. Ele ? rico em vitamina E e antioxidante, elementos que retardam o envelhecimento precoce.

Ainda entre os benef?cios do azeite est?o a preven??o de doen?as cardiovasculares, absor??o do c?lcio, redu??o do colesterol ruim e acelera??o das fun?es metab?licas, o que auxilia no emagrecimento.

Mas, apesar de haver essa acelera??o, o azeite n?o ? recomendado para quem quer emagrecer, pois possui alto teor cal?rico. "Uma colher de sopa, o que corresponde a 3ml, tem 108 calorias", diz a nutricionista Tha?s Coutinho do Amaral.

A nutricionista explica que o azeite virgem e extra-virgem s?o produzidos da mesma maneira, a partir da compress?o da azeitona a frio, sem alterar a natureza da semente. Entretanto, h? diferen?a entre os dois. O mais indicado para o uso di?rio ? o extra-virgem, que n?o apresenta adi??o de outro tipo de ?leo.

Foto de azeite O extra-virgem ? composto, em grande parte, por gorduras monoinsaturadas, que fazem bem ? sa?de. Al?m do azeite, elas s?o encontradas no peixe, nas castanhas e amendoim. "Quando pensamos em uma alimenta??o saud?vel, o ideal ? substituir as gorduras saturadas, que fazem mal, pelas monoinsaturadas", explica Tha?s. As saturadas s?o encontradas nos biscoitos e frituras, por exemplo.

Tha?s alerta que em alguns azeites do tipo virgem h? o acr?scimo de ?leo vegetal, aquele usado para cozinhar, como o ?leo de soja. Por isso, a orienta??o ? ter aten??o aos r?tulos. "N?o podemos dizer que isso acontece em todos os casos. Ler o r?tulo ? uma boa sa?da, pois nele ? poss?vel saber se houve esse acr?scimo pela quantidade de gorduras totais e monoinsaturadas".

No r?tulo tamb?m est?o as informa?es sobre as calorias. Quando h? adi??o de outros elementos no azeite, o valor cal?rico do produto pode aumentar. "Os outros produtos adicionados tamb?m s?o cal?ricos, o que vai elevar o valor do azeite". Tha?s alerta que o fato de vir escrito na embalagem que o azeite n?o tem colesterol n?o deve ser visto como um diferencial do produto, como muitos consumidores acham. "Nenhum ?leo vegetal tem colesterol", afirma.

Foto de r?tulo de azeite A acidez ? outro elemento importante a considerar quando se fala em qualidade do azeite. O valor m?ximo permitido ? de 0,8%. Neste caso, o produto ainda ? considerado de boa qualidade. Acima dele, n?o se pode dizer o mesmo. "O produto tende a ser melhor quando a acidez ? mais baixa que este valor e ele tende a ser menor quando o processamento ? feito de forma correta", explica ela. A informa??o est? presente no r?tulo.

Por ser um produto composto, em grande parte, por gorduras ben?ficas, o azeite n?o ? indicado para frituras. Neste caso, quando ? aquecido a uma temperatura de 198?C, ele pode se transformar em um produto que faz mal, pois suas gorduras monoinsaturadas se transformam em saturadas. A conseq??ncia ? a produ??o de subst?ncia cancer?gena, chamada acrole?na.

Mais uma dica de Tha?s para comprar um produto de qualidade ? observar a embalagem. O mais indicado ? dar prefer?ncia ?s embalagens escuras no lugar das transparentes. "Elas evitam a oxida??o, conservando melhor o produto". Entretanto, entre as embalagens pl?sticas e de vidro n?o h? distin??o.