• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde

    HU promove mutirão de cirurgias plásticas de mama Onze mulheres passaram pelo procedimento nesta quarta-feira. A instituição conta, atualmente, com uma fila de aproximadamente 400 pacientes

    Envie a sua foto pelo link SUA NOTÍCIA, clique aqui
    5/10/2011

    Mutirão de cirurgias

    O Hospital Universitário (HU) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) promoveu, nesta quarta-feira, 5 de outubro, um mutirão de atendimentos em cirurgias plásticas. A ação teve como objetivo acelerar os atendimentos feitos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) nessa especialidade. Onze pacientes que aguardavam há anos na fila de espera pela cirurgia de mamoplastia redutora passaram pelo procedimento.

    Entre os problemas causados pelo excesso de mama estão aqueles relacionados à coluna. A iniciativa fez parte de uma campanha nacional da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, apoiada pela regional mineira da entidade, que já tirou mais de 600 pacientes da fila de espera do SUS em todo o país. O HU conta, atualmente, com aproximadamente 400 mulheres na fila de espera.

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    A ex-empregada doméstica, Carmen Lúcia, deixou o trabalho no qual estava
    há 15 anos devido às dores na coluna, causadas pelo excesso de mama. Ela
    está na fila para fazer a cirurgia redutora desde 2004. Depois de sete anos
    de espera, Carmen será operada no Hospital Universitário da Universidade
    Federal de Juiz de Fora (HU/UFJF) nesta quarta-feira, 5, quando será
    realizado um mutirão de mamoplastia redutora. Iniciativa de uma campanha
    nacional da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica com o apoio da
    regional mineira da entidade, o evento tem como objetivo realizar cirurgias
    gratuitas em pacientes carentes que aguardam na fila do SUS. O Mutirão já
    tirou mais de 600 pacientes da fila de espera do SUS em todo o Brasil. Em
    2010, mais de 100 pacientes foram submetidos a procedimentos de retirada de
    câncer de pele e de blefaroplastia - cirurgia de pálpebras. A iniciativa
    precede a 16ª Jornada Mineira de Cirurgia Plástica, que acontece entre os
    dias 6 e 8 de outubro, no Ouro Minas Palace Hotel, em Belo Horizonte.
    Há 10 anos, Carmem Lúcia faz tratamento na coluna e afirma que já
    emagreceu dois quilos com a dieta, mas continua sofrendo do problema. “É
    uma dor horrível, parece que os seios estão puxando as costas para a
    frente. O remédio deve ser usado uma vez por dia, mas, às vezes, tenho que
    tomar de duas em duas horas de tanta dor. No dia 11 de dezembro do ano
    passado fui até parar na emergência por causa de uma cólica. Mas o médico
    mandou fazer ressonância e descobriu que não era nada abdominal. Na
    verdade, eu estava com seis hérnias de disco.”
    Além de Carmen, outras 10 mulheres passarão pela cirurgia nesse dia, a
    partir das 7 horas, na unidade Santa Catarina. Todo os anos a Sociedade
    Brasileira de Cirurgia Plástica propõe uma atividade para reduzir a fila de
    espera para as cirurgias e, nesse ano, optou-se pela mamoplastia redutora.
    O HU participa do mutirão com a equipe de Cirurgia Plástica, coordenada
    pela Dra. Marília Dornelas, e com o apoio de residentes de clínica geral e
    acadêmicos. No ano passado, o hospital também participou do mutirão
    realizando cirurgias de câncer de pele.
    Segundo a Dra. Marília Dornelas, a fila para a mamoplastia redutora é
    grande em Juiz de Fora. “Só no HU temos 400 mulheres em espera.
    Normalmente, fazemos duas ou três cirurgias por semana. No mutirão serão 11
    operadas. Para tal, escolhemos as que esperavam há mais tempo. Serão
    disponibilizadas três salas para as cirurgias.” Ainda de acordo com a
    Médica, o excesso de mama tem causa congênita e provoca problemas na
    coluna, trazendo dificuldades para a pessoa trabalhar.
    Outra contemplada pelo mutirão é Edina Oliveira, que está na fila há três
    anos. Ela vem de Visconde do Rio Branco para ser operada e foi internada
    nesta terça, 4. Edina disse que sente muitas dores na coluna e que já foi
    internada três vezes. “Espero que agora tudo corra bem”.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.