• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Quinta-feira, 14 de maio de 2020, atualizada às 18h24

    Mais um óbito por coronavírus é confirmado em Juiz de Fora

    Da redação

    A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) confirmou nesta quinta-feira, 14 de maio, mais uma morte pelo novo coronavírus em Juiz de Fora. Com os novos registros, a cidade totaliza 22 mortes por covid-19. Mais 25 novos casos foram confirmados, contabilizando 417 pessoas infectadas.

    O óbito registrado é de uma idosa de 79 anos que morreu na última terça-feira, 12. Ela tinha Doença Neurológica Crônica (DNC), Doença Cardiovascular Crônica (DCC), pneumopatia crônica e era tabagista.

    O Boletim Epidemiológico também mostra 203 novas suspeitas, que contabiliza 3.310.

    Todos os dados são referentes a moradores de Juiz de Fora.

    - 3.310 suspeitos
    - 417 confirmados
    - 22 óbitos confirmados
    - 1 óbitos em investigação

    JF deve ter 449 casos de Covid em 18 de maio

    Após a emissão da segunda nota técnica sobre o controle e disseminação do coronavírus publicada em 9 de maio, o grupo de modelagem epidemiológica da Covid-19, formado por pesquisadores da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), divulga um boletim, que terá periodicidade semanal. O objetivo é fazer uma atualização semanal da evolução das curvas de casos suspeitos e confirmados.

    Este boletim utiliza os mesmos métodos expostos na Nota Técnica 2, na qual foram analisados dados de notificações de casos suspeitos, confirmados, internações e óbitos desde o primeiro caso suspeito no município em 26 de fevereiro até a atualidade. “Estamos usando um modelo que nos permite prever cenários mais curtos, como quinze dias, além de oferecer um maior detalhamento. Estamos monitorando também as mudanças de regime na curva, ou seja, as mudanças nas taxas de crescimento”, explica Fernando Colugnati, um dos autores do documento.

    Situação atual e previsões

    A incidência diária de suspeitos e de confirmados apresenta comportamento semelhante e seguem em taxa constante após 15 de abril. De acordo com o boletim, a aparente queda nesta data provavelmente se deve a questões dos processos de testagem e notificação. As taxas médias de crescimento das curvas acumuladas continuam subindo diariamente 3% para casos suspeitos e 8% para os confirmados, conforme publicado na Nota Técnica 2.

    O boletim mostra que a previsão ainda é de crescimento da curva, mas provavelmente com uma queda da taxa de crescimento. A previsão para o dia 18 de maio, antes em 500 casos é de 449 na atual previsão, podendo chegar a 563 casos em 25 de maio. A próxima semana poderá confirmar se há realmente uma queda nas taxas de crescimento, que se refletirão em uma mudança na direção da curva de casos confirmados.

    Segundo o boletim, o modelo de previsão utilizado aparentemente tem captado bem o comportamento da curva de casos confirmados acumulados, como se pode observar comparando as previsões passadas (pontos) com o ocorrido (linha).

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.