• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Quarta-feira, 2 de setembro de 2020, atualizada às 9h30

    Relação entre suicídio e gênero

    Da redação

    No que se relaciona com o suicídio, o fator gênero possui implicação direta no número de tentativas e óbitos registrados em todo o mundo.

    De acordo com dados da cartilha Suicídio: informando para prevenir, publicada pela Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP em parceria com o Conselho Federal de Medicina - CFM (baixe aqui), homens e mulheres possuem comportamentos diferentes quando se fala em suicídio.

    A relação entre óbito e tentativa de suicídio é inversamente proporcional ao considerar o gênero. Ou seja, os óbitos por suicídio são em torno de três vezes maiores entre os homens do que entre mulheres.

    Inversamente,as tentativas de suicídio são, em média, três vezes mais frequentes entre as mulheres. Papéis masculinos tendem a estar associados a maiores níveis de força, independência e comportamentos de risco. O reforço a esse papel de gênero muitas vezes impede os homens de procurar ajuda para os sentimentos suicidas e depressivos.

    Comportamento suicida em homens e mulheres

    A mortalidade de homens por suicídio tende a ser maior devido à letalidade dos métodos utilizados. Os principais fatores associados a esse aspecto são a solidão e o isolamento social.

    Segundo a cartilha da ABP e do CFM, "o reforço a esse papel de gênero muitas vezes impede os homens de procurarem ajuda para os sentimentos suicidas e depressivos".

    Apesar de registrarem maior número de tentativas do que os homens, as mulheres estatisticamente morrem menos por suicídio. Para além da letalidade da tentativa, o sexo feminino está mais associado a fatores de proteção.

    Suas redes de apoio são mais fortes devido a engajamentos em atividades domésticas e sociais. A isso é atribuído um sentido de "participação" até o final da vida, fortalecendo laços sociais. 

                                                                                          Fonte: Cartilha "Suicídio: informando para prevenir", ABP e CFM.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.