• Assinantes
  • Autenticação
  • Tecnologia

    Conheça e entenda a moda do selfie

    Com nomenclatura adequada e de fácil pronúncia, autoretratos voltam à moda e invadem redes sociais no mundo todo

    Lucas Soares
    Repórter
    6/05/2014

    Os selfies, ou autoretratos, voltaram à moda com tudo em 2014. Após a atriz Ellen Degeneres postar uma foto na cerimônia do Oscar com vários outros famosos, e atingir a incrível marca de ser a foto mais retuitada da história do Twitter - 1,2 milhão de replicações em uma hora, diversos outros usuários aderiram à moda nas redes sociais.

    Seja no Facebook, Twitter ou Instagram, redes sociais consideradas abertas, ou no Snapchat, todo mundo já tirou uma selfie. Essa é a opinião da professora de fotografia do Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora (CES/JF), Gleice Lisboa. "O autoretrato sempre existiu, mas você tinha uma dificuldade por questão de revelação. Era uma coisa mais familiar, para colocar em um álbum de família. Nas máquinas antigas, você tinha o time pra correr e participar das fotos. Com as máquinas digitais e as facilidades da internet, esse álbum migrou para as redes sociais. A indústria aproveita e cria uma forma do selfie ser mais fácil. Tem máquina que você se visualiza antes de bater a foto, a internet facilita", opina a professora.

    Para o fotógrafo de uma agência de modelos, Anderson Esteves, os selfies podem abrir o mercado de fotografia. "No meu trabalho, diretamente, não tem impacto. Mas acho que as pessoas sempre querem se ver bonitas, querem uma foto em alta resolução. Um fotógrafo pode proporcionar detalhes naturais em um retrato", afirma.

    Por quê?

    Tirar um autoretrato, e divulgá-lo nas redes sociais, têm vários motivos, mas nenhum deles chega perto de querer passar uma imagem positiva. Para o estudante de jornalismo e blogueiro, Márcio Niheus, a imagem é importante. "Eu acho que antes de tudo, preciso pensar que a imagem que está sendo veiculada é a minha, estou liberando livre a acesso a mais de 1.000 amigos só no Facebook, então também preciso ter cuidado com o que eu vou postar. Gosto de manter uma qualidade. Não quero sair postando qualquer coisa. E acho que qualquer investimento é recompensado na hora de ler os comentários positivos e ver o número de curtidas", explica.

    De acordo com o estudante, a ideia de postar autoretratos surgiu quando começou a postar os looks nas redes sociais, e receber elogios. "Depois que percebi que elas geravam um número de curtidas considerável no Facebook, passei a postar com mais frequência, investi em um celular com uma câmera melhor e passei a buscar filtros bacanas pra editá-las antes de postar. Sempre pensei que se há curtidas, é porque as pessoas gostam", afirma. Ainda segundo Niheus, nem todo autoretrato é divulgado na rede social de Mark Zuckerberg. "Nem todas as fotos vão para o público em geral, algumas ficam retidas só aos meus amigos mais próximos como as que eu tiro no Snapchat", comenta.

    A colunista de moda do Portal ACESSA.com, Mariana Noronha, tem uma opinião um pouco diferente da de Niheus na opção de porque tirar autoretratos. "Eu geralmente gosto de fazer (selfies) quando quero mostrar meu estado de espírito, quando estou feliz, por encontrar um amigo, mostrar algum lugar ou até mesmo divulgar algum produto que eu tenha recebido ou sido paga para usar, já que eu tenho um blog de moda", opina.

    Dicas

    Para tirar um bom selfie, só a câmera do smartphone não basta. É preciso preparar o visual, escolher um bom ângulo e um bom lugar. Mas para Mariana, isso cabe ao julgamento de cada pessoa. "Cada um tem que conhecer melhor o seu ângulo. Eu acho legal quando fica uma foto natural e espontânea e de preferência sem flash! Apostar nos efeitos é a melhor solução", diz.

    São várias as opções de efeitos disponíveis nas lojas de aplicativos para celulares. A blogueira, no entanto, ainda prefere os padrões. "Gosto do Instagram e do Snapseed, mas as vezes uso o próprio Photoshop para aumentar o brilho da fotografia."

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.