• Assinantes
  • Autenticação
  • Turismo


    Cinema em Tiradentes A 11ª edição da mostra promete reunir cerca de 35 mil pessoas para vivenciar e discutir o universo dos jovens no cinema brasileiro



    Priscila Magalhães
    Repórter
    16/01/08

    A Mostra de Cinema de Tiradentes vai acontecer entre os dias 18 e 26 de janeiro, com oficinas, debates, premiações e exibições de curtas, longas e vídeos. Todas as entradas são gratuitas e não é necessário retirar convites para ter acesso à exibições. A organização do evento está esperando receber 35 mil pessoas durante os nove dias de apresentações.

    O tema é "Juventude em Trânsito" e foi escolhido como reflexo da produção que aborda jovens. "A presença dos jovens no cinema está cada vez maior e vamos fazer esta abordagem, com referência aos jovens como agentes ativos no fazer cinema, na produção", diz a coordenadora geral do evento, Raquel Hallak.

    Sobre os conflitos vividos pela maioria dos jovens brasileiros e retratados no cinema, ela diz que os filmes espelham uma identidade. "O cinema é uma arte que espelha a nossa identidade e a maioria dos jovens brasileiros vive situações de conflito, como transição, comportamentos e drogas. Eles são mostrados nestas situações no cinema e, muitas vezes, não é positivo", explica.

    Por isso, a importância de debater conceitos e projetos apresentados ao longo das exibições. Doze debates estão programados entre o público, a crítica, os diretores e atores, no espaço Cine-Teatro. Além disso, acontece o "9º Seminário do Cinema Brasileiro: Idéias e Perspectivas", que contará com três mesas-redondas e três debates. "Vamos mostrar para o público como vai ser o cinema em 2008. Então, vamos apresentar obras novas e que ainda não foram discutidas. Por isso, vamos ter as discussões com a presença dos participantes e dos produtores para abordar as questões", conta Raquel.

    Foto de Ricardo  Francisco Foto de Ricardo  Francisco

    A principal novidade na Mostra, neste ano, é o Prêmio Aurora, concedido pelo Júri da Crítica e Júri Jovem ao melhor filme e ao profissional jovem de destaque. "Sete longas vão ser avaliados e o objetivo é estimular a produção de cinema pelos jovens", ressalta Raquel. O Júri da Crítica é composto por pesquisadores e críticos de cinema, enquanto o Júri Jovem é mais um das novidades da Mostra para 2008, sendo composto por cinco alunos selecionados através de uma oficina de análise de linguagem.

    Outra novidade é um estúdio de filmagem que vai ser montado na praça para estimular a prática. As pessoas vão poder participar produzindo um curta de um minuto. As oficinas não são novidades, mas têm uma importância muito grande no sentido de estimular a produção. "O evento foi o pioneiro na introdução das oficinas para atender os interessados em conhecer mais sobre a sétima arte. Sem reciclagem e formação, não é possível fomentar esta arte. As oficinas são a oportunidade de fazer cinema e ampliar a produção e a qualificação, já que há poucos anos não tínhamos faculdades no estado", explica Raquel.

    Ela diz ainda que a Mostra é o maior evento dedicado ao cinema no país, pois aborda todos os tipos de produção e promove o encontro de pessoas. "Quando começamos, não tínhamos idéia de qual seria o futuro do cinema no país. Na época, eram quatro curtas inscritos e, hoje, temos que fazer uma seleção entre 400 filmes. Isso se deve ao crescimento da produção e também do acesso, em função do impulso tecnológico".

    Foto de Ricardo  Francisco Foto de Ricardo  Francisco

    Mas mesmo com o crescimento, os filmes brasileiros ainda não competem de igual com os americanos. "Não temos uma política de distribuição para concorrer com os filmes deles. Tem filme brasileiro que é mais conhecido fora do que aqui. Agora, estamos vendo crescer esta nova geração, que faz filme no fundo do quintal, no celular e assiste pela internet. O nosso cinema vai transpor barreiras e está buscando uma identidade própria".

    Programação

    Na programação dos longas, curtas e vídeos estão 126 filmes, sendo 27 longas-metragens, 35 curtas e 64 vídeos, divididos em 48 sessões. Entre os filmes estão 'Saliva', de Esmir Filho, 'Trópico das Cabras', de Fernando Coimbra e 'Café com Leite', de Daniel Ribeiro. A programação completa pode ser conferida no site oficial do evento.


    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.