Segunda-feira, 09 de junho de 2008 atualizada às 11h32

Mapro contabiliza espécies da flora local. Expectativa é catalogar 800 espécies



Priscila Magalhães
Repórter

O inventário da flora do Parque Mariano Procópio, iniciado há cerca de três meses, já contabiliza 61 espécies de plantas de médio e grande porte. Uma das coordenadoras do projeto Maria das Graças Sarmento Duarte diz que a expectativa é catalogar cerca de 800 espécies no local.

O inventário surgiu da necessidade de levantar mais dados sobre a vegetação, já que o último estudo foi realizado em 1987. "No ano de 2008 estamos vivendo um momento de revitalização e também queremos entrar com dados sobre a flora", diz Duarte.

O jardim é de 1861. Nele, são encontradas espécies típicas de jardim histórico e outras de mata atlântica foram introduzidas ao longo dos anos. A vegetação local também é composta por espécies ameaçadas de extinção, como a palmeira de coco mariano - Syagus macrocarpa -(foto) e a araucária.

No viveiro de mudas, estas espécies são reproduzidas e replantadas. Além disso, algumas mudas também são doadas. O espaço é considerado importante, já que contribui para a manutenção da fauna. "Por estar dentro de uma área urbana, ele é importante, pois é onde acontece a polinização de aves e morcegos".

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.