Sociedade Protetora dos Animais busca ajuda de voluntários para manter funcionamento

Único abrigo para resgates de emergências na cidade cuida de cerca de 450 animais mensalmente

Lucas Soares
Repórter
22/08/2015

A grande maioria dos juiz-foranos conhece a Sociedade Protetora dos Animais de Juiz de Fora (SJPA), ONG criada há 27 anos e reconhecida como utilidade pública no combate ao sofrimento animal na cidade. No entanto, como entidade sem fins lucrativos e trabalhando arduamente de segunda a segunda, o grupo conta com ajuda de voluntários para continuar funcionando, o que vem se tornando cada vez mais complicado.

São cerca de 450 cães e gatos abrigados na sociedade, além de prestar assistência para famílias carentes. A presidente da SJPA, Maria Elisa de Souza, explica que o amor pela causa foi a grande razão de criar a SJPA. "Nós surgimos do sonho de algumas pessoas que queriam proteger os animais. Antes de reativar a SJPA, os animais morriam atropelados e a míngua em via pública", conta.

Manter um abrigo - o único da cidade, nestas proporções não é fácil. Requer dinheiro para compra de rações, itens de higiene, vacinas, além de realizar eventuais obras estruturais. Elisa afirma que ainda não enxerga Juiz de Fora como uma cidade solidária, mas acredita no potencial do município. "Já evoluiu muito. A população, nossos parceiros e os meios de comunicação sempre nos socorrem. Nós estamos sempre buscando recursos materiais e humanos. A causa animal está mais fortalecida, devido ao aumento do respeito que passamos a ter em relação a eles", opina.

Quem deseja ajudar a SJPA, é necessário entrar em contato com a ONG pelo formulário disponível no site e preencher um cadastro, pelo Facebook ou pelo telefone (32) 9965-6240. "Basta entrar em contato conosco e ficar à vontade para se fazer o que desejar com os animais, ajudar como puder", revela a presidente. A SJPA estima que o gasto de um animal no abrigo, mensalmente, seja em torno de R$ 50. Portanto, para doações em dinheiro, pede-se que o valor seja a partir de R$ 10. "Precisamos também de mais voluntários, pois eles trazem um bem estar aos animais abandonados", conclui Elisa.

Mutirão

Neste domingo, 23 de agosto, a SJPA realiza mais uma edição do Mutirão Mão nas Patas. A ação tem como objetivo reunir o maior número de voluntários para um dia de limpeza dos canis, banho e carinho com os animais. As atividades começam às 10h, no abrigo da instituição, que fica no km 787, da BR-040.

Os organizadores também estão pedindo doações para o dia, como água sanitária, sabão em pó, detergente, desinfetante, vassoura, rodo, bucha, pá de lixo, saco de lixo de 100 litros, e grandes quantidades de jornais velhos. Além dos materiais de limpeza, também são aceitos ração para cães e gatos adultos e filhotes e latas de patê.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.