Bloco Unidos pela Vida convoca novos doadores de sangue em JF

Promovido pela Fundação Hemominas, grupo se concentrou no Parque Halfeld e desceu pelo calçadão, chamando para a importância de se doar sangue

Eduardo Maia
Repórter
20/02/2014

CarnavalUma ação de conscientização marcou o início do Carnaval em Juiz de Fora na manhã desta quinta-feira, 20 de fevereiro. A Fundação Hemominas levou o bloco Unidos pela Vida para a rua, chamando a população para a folia e também para a doação de sangue. Em sua sexta edição, o bloco se concentrou no Parque Halfeld e desceu pelo Calçadão, no Centro da cidade.

"É importante lembrar às pessoas, principalmente neste momento, que o número de doadores cai. As pessoas viajam, esquecem de doar e infelizmente é um dos períodos que a demanda sobe já que aumenta o número de acidentes e homicídios. Vamos sair pra folia, mas vamos deixar o estoque de sangue cheio", convida a psicóloga do Hemominas, Débora Carvalho.

Carnaval Corte real

A ação recebeu o apoio de entidades e grupos que se solidarizam com a causa. Marcaram presença a Associação dos cegos, membros do Centro de Convivência do Idoso, a Associação dos Aposentados, os grupos Jovens Construindo a Cidadania e os Médicos do Barulho. Além deles, também estiveram presentes a bateria da escola de samba Turunas do Riachuelo, o Rei Momo Ronaldo Golfinho e as princesas Isabela de Souza Lima e Ana Cristina Rabelo.

Para doar

A Fundação Hemominas em Juiz de Fora funciona de segunda a sexta, das 7 às 18h , e aos sábados de 7 às 11h. Antes da doação, o interessado passa por uma triagem clínica. Confira quem pode ou não doar.

Quem pode doar

- Podem doar sangue as pessoas que tenham entre 16 e 69 anos. Mas, atenção: se o candidato à doação de sangue tem entre 16 e 17 anos ou mais de 60 anos, é importante conhecer as Normas e documentos necessários para doação de sangue. Os demais critérios são válidos para todos.
- Quem tem e está com boa saúde;
- Quem pesa acima de 50 kg;
- Quem dorme bem na noite anterior à doação;
 - Mulheres, mesmo se menstruadas ou em uso de anticoncepcionais.

Quem não pode doar

- Quem teve hepatite após os 11 anos de idade, exceto se tiver comprovação laboratorial da época de que se tratou de hepatite A (IgM positiva).
- Quem tem exposição a situações de risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis;
- Quem teve gripe, resfriado ou diarreia nos sete dias anteriores à doação;
- Quem ingeriu bebida alcoólica nas últimas 12 horas anteriores á doação;
- Quem usou ou usa drogas injetáveis;
- Quem apresenta ferimento ainda não cicatrizado;
- Quem estiver grávida ou em período de amamentação; após o parto normal é necessário aguardar três meses; após cesárea, seis meses;
- Quem fez qualquer exame por endoscopia nos seis (6) meses anteriores à doação;
- Quem fez cirurgia por laparoscopia nos seis (6) meses anteriores à doação;
- Quem fez tatuagem nos últimos 12 meses anteriores à doação.
- Quem fez ou faz tratamento dentário (a pessoa pode ser impedida de doar por um período de 1 a 30 dias, conforme o caso).
- Quem fez piercing nos últimos 12 meses anteriores à doação. Piercing localizado em área genital ou na boca, somente poderá ser liberada a doação, 12 meses após sua retirada.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.