• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação
    Terça-feira, 31 de maio de 2011, atualizada às 19h27

    Professores da rede estadual deflagram greve no dia 8 de junho

    Aline Furtado
    Repórter
    Professores estaduais em assembleia

    Professores da rede estadual de ensino estiveram reunidos em assembleia nesta terça-feira, 31 de maio, em Belo Horizonte, quando votaram por deflagrar greve por tempo indeterminado a partir do dia 8 de junho. A movimentação irá atingir alunos de todo o Estado.

    A intenção é que a categoria se junte aos movimentos das polícias civil e militar de Minas Gerais, que têm assembleia estadual marcada para 8 de junho, na capital.

    Segundo a diretora do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE) local, Victória de Fátima de Mello, a decisão ocorreu devido ao fato de não ter havido avanço nas negociações com o governo de Minas. "A proposta de viabilização de pagamento do piso salarial nacional, como prevê a lei 11.738/08 não foi atendida. Além disso, no último encontro com a categoria, não foi apresentada a minuta do edital do concurso, sob alegação de que a mesma está em fase final de elaboração."

    Entre as reivindicações da categoria estão as melhores condições de trabalho, a retomada da carreira do magistério, o fim do subsídio, com adequação do salário de R$ 1.597,87 à carga horária dos professores, entre outras.

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.