Juiz de Fora - MG

Terça-feira, 21 de setembro de 2010, atualizada às 18h36

Seis candidatos juizforanos têm chances de eleição na Câmara Federal, afirma Diap

Clecius Campos
Repórter

Seis candidatos juizforanos à Câmara Federal têm chances de serem eleitos no dia 3 de outubro, de acordo com prognóstico do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap). O levantamento elencou 68 possíveis ocupantes das 53 vagas de Minas Gerais na Câmara Federal. O estudo não é considerado pesquisa eleitoral.

A pesquisa considerou os seguintes aspectos: desempenho individual do candidato (perfil, vínculos políticos, econômicos e sociais, experiência política anterior e serviços prestados), trajetória e popularidade do partido (com base nas últimas cinco eleições), recursos disponíveis (financeiros e humanos, como financiadores e militantes), coligações e vinculação a candidatos majoritários (senador, governador e presidente), apoio governamental (máquinas municipais, estaduais e federal) e pesquisas eleitorais.

Em ordem alfabética, os candidatos com domicílio eleitoral em Juiz de Fora que podem ser eleitos, segundo o Diap, são: Edmar Moreira (PR), Júlio Delgado (PSB), Luiz Fernando Faria (PP), Marcus Pestana (PSDB), Margarida Salomão (PT) e Paulo Delgado (PT). Desses, quatro — Edmar Moreira, Julio Delgado, Luiz Fernando Faria e Paulo Delgado — são candidatos à reeleição, por essa razão estão inseridos na lista de candidatos competitivos. Marcus Pestana e Margarida Salomão entraram no rol devido aos demais aspectos considerados.

O levantamento indica que Minas Gerais pode eleger pelo menos 23 novos deputados federais. PT e PMDB têm as maiores chances de eleger representantes mineiros na Câmara Federal, com 11 candidatos competitivos cada partido. O PSDB de Minas pode ocupar oito postos, assim como o PR. Segundo a pesquisa do Diap, o DEM tem chance de eleger sete deputados federais mineiros. O estudo do Diap aponta ainda que apenas três mulheres têm possibilidade de serem eleitas deputadas federais por Minas Gerais.

Senadores

O Diap elaborou também prognóstico das eleições para o Senado. Segundo o levantamento, os três candidatos com chances de serem eleitos são Aécio Neves (PSDB - chance alta), Fernando Pimentel (PT - chance média) e Itamar Franco (PPS - chance média). O estudo considerou o índice de renovação e as bancadas por partido na pós-eleição.

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.