• Assinantes
  • Esporte
    Quarta-feira, 19 de junho de 2013, atualizada às 17h00

    Brasil vence México por 2 a 0, com gols de Neymar e Jô

    Da Redação
    brasil

    O Brasil conquistou nesta quarta-feira, 19 de junho, em Fortaleza, sua segunda vitória na Copa das Confederações. Na Arena Castelão, a seleção brasileira venceu a do México por 2 a 0, com gols de Neymar, no primeiro tempo, e Jô, nos últimos minutos da partida.

    O jogo

    O Brasil abre o placar aos oito minutos, com o gol de Neymar. O passe vem de Daniel Alves, que cruza da direita para Rodríguez, que corta parcialmente de cabeça. Logo em seguida, a bola cai nos pés de Neymar, que marca um gol, para a alegria da torcida.

    O Brasil segue apertando o adversário e tem outra chance de marcar, aos 13 minutos, quando Daniel Alves tenta o cruzamento, mas a bola vai direto no ângulo do goleiro Corona, que consegue evitar o gol. O time do México vai para cima e aos 15 minutos chuta cruzado, e a bola passa raspando na trave de Júlio César.

    Aos 20 minutos, no contra-ataque, Neymar é derrubado com falta forte e por trás. O juiz aplica um cartão amarelo em Guardado. E o Brasil tem novamente a chance de aumentar o placar, aos 22 minutos, com o lance de Neymar, que ganha na divisão com Rodríguez e Mier, mas a bola passa raspando o travessão do gol mexicano.

    Aos 34 minutos, o time brasileiro toma um susto, quando David Luiz tenta fazer uma jogada e cabeceia a nuca de Thiago Silva. O jogador fica caído em campo com o nariz sangrando. Ele é levado para a lateral do campo. O time mexicano segue tentando pressionar o Brasil. Aos 36 tem uma boa chance de marcar no lance, que Giovani dos Santos ganha de Marcelo na esquerda, e cruza para Chicharito, mas a tentativa é frustrada pelo jogador Thiago Silva.

    E a bola segue rolando. O primeiro cartão amarelo para o Brasil é dado aos 43 minutos, quando Thiago Silva entra de carrinho por trás do jogador Chicharito. Aos 46 minutos, o goleiro brasileiro Júlio César passa aperto na jogada de Giovani, que acerta a rede sobre o gol.

    Segundo tempo

    O Brasil começa o segundo tempo pressionando o México. E no primeiro minuto, Neymar levanta na área, Luiz Gustavo desvia, e Thiago Silva manda para a rede. Mas, o lance estava impedido pelo juiz. A seleção brasileira vai para cima, e aos 9 minutos, quase marca o segundo gol com a tabela entre Hulk e Neymar, que devolve para Hulk. Mas, o jogador chuta na rede pelo lado de fora. E o Brasil segue atacando o time mexicano, desta vez, com Neymar que ganha na velocidade de Salcido, invade a área e bate cruzado.

    Mas, a bola bate na trave aos 10 minutos. O técnico mexicano faz a primeira alteração no time aos 12 minutos. Sai o jogador Geraldo Flores e entra Herrera. O jogo segue quando Daniel Alves faz uma falta dura em Torres aos 13 minutos. Mas, o juiz releva e poupa o cartão. Passados três minutos, o técnico Luiz Felipe Escolari, faz a primeira modificação no time, saindo Oscar e entrando Hernanes, que faz uma atuação discreta no jogo. E o atacante Neymar segue crescendo na partida, desta vez, o passe vem do companheiro Paulinho. Neymar recebe a bola e chuta no cantinho do gol, mas Corona espalma e a bola vai para escanteio aos 20 minutos.

    À vontade no jogo, Neymar tabela com Marcelo e cruza, mas, Corona permanece atento e faz mais uma defesa aos 23 minutos. Um minuto depois, o time do México troca os jogadores novamente, sai Jorge Torres e entre Barrera. Desta vez, o juiz não poupa e aplica um cartão amarelo aos 31 minutos em Daniel Alves. Aos 37 minutos, o México tenta apertar o Brasil , Giovani toca de calcanhar para Barrera, que cruza, mas a zaga bloqueia a jogada.

    O Brasil faz sua segunda substituição aos 38 minutos, sai Fred e entra Jô. No minuto seguinte Neymar leva a torcida ao delírio ao dar um chapéu em Mier. Aos 41 minutos, o técnico mexicano tenta mais vez pressionar o Brasil fazendo sua terceira e última substituição. O atacante Jiménez entra no lugar do volante Torrado. Os jogadores Herrera e Rodríguez fazem falta em Neymar e Marcelo. E o juiz não perdoa e aplica cartão amarelo nos dois jogadores mexicanos aos 44 minutos. O jogo vai até os 49 minutos, quando aos 47, o Brasil marca ser terceiro gol na partida. Dessa vez, com o passe de Neymar que dribla dois jogadores e passa para Jô marcar. Assim, o Brasil termina o jogo, vencendo o México por 2 a 0.

    Com a vitória, o Brasil está praticamente classificado para a próxima fase do torneio. O próximo adversário dos brasileiros - pelo Grupo A - é a Itália, neste sábado, 22 de junho, às 16h, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.