Comércio da saudade Floriculturas preparam-se para vender até 100% a mais no Finados. Crisântemo continua sendo a flor mais vendida

Fernanda Leonel
Repórter
01/11/2006
Se o assunto é flor, confira as dicas do portal ACESSA.com para deixar suas flores mais bonitas. Aprenda truques de poda e irrigação para suas flores durarem mais tempo

Matéria sobre cuidados com plantas .


foto de crisânteos Com a chegada do feriado desta quinta-feira, dia 02 de novembro, tem muita gente já sorrindo à toa. É só dar uma volta pelo centro da cidade para ter certeza: a rotina de várias floriculturas de Juiz de Fora já está diferente, e o visual delas também. Crisântemos pelas portas e no domínio das prateleiras parecem anunciar a temporada de bons negócios.

Quem já é "macaco velho" no assunto, explica um pouco da contradição entre lucro, vendas e uma data como essa que não deixa de ser uma lembrança saudosa. "Gostar de alguém é muito bom. E, infelizmente, não somos eternos. Não há nada mais bonito que levar uma lembrança de carinho, como uma flor, para alguém no cemitério", comenta Solimar José da Silva foto abaixo), dono de uma floricultura na cidade .

Solimar já está no comércio há 25 dias "02 de novembro". Para ele, a data é, depois da comemoração do Dia das Mães, a melhor para seu ramo de comércio.

foto de Solimar Na floricultura dele, por exemplo, trabalham no Dia de Finados, o dobro de funcionários. "Temos que chamar mais quatro pessoas para dar conta do recado", comenta. A expectativa é que na próxima quinta-feira, ele consiga acabar com todo o estoque de flores, preparado especialmente para a data.

"Quanto vendo a mais? Amanhã, vendo 100% a mais do que em um dia comum. Isso para não dizer que a porcentagem é maior que isso. O Dia de Finados ajuda muito o comércio de flores", afirmou o empresário. Segundo ele, as vendas referentes ao feriado de finados ajudam no balanço finaceiro do mês inteiro.

Outras floriculturas da cidade concordam com os números. Em entrevista ao portal ACESSA.com, os responsáveis por quatro outras lojas do ramo foram unânimes em afirmar que o incremento nos lucros possui números bastante consideráveis.

Para toda essa expectativa, praticamente todas as floriculturas devem abrir bem cedo no feriado. Para quem gosta de fazer a visita ao um ente querido logo pela manhã, a partir de 6h30 já há comércios com as portas abertas em Juiz de Fora.

foto de crisãnteo foto de crisânteo

Mas as vendas para o feriado, segundo os comerciantes, já começaram a esquentar há dois dias. Na última terça já houve diferença na procura por flores e, nesta quarta, os mais prevenidos, já levaram para casa a lembrança da visita ao cemitério.

Foi considerado ainda pelos comerciantes, um público que já fez as suas compras até mesmo já há quatro dias. Segundo destacou Solimar, há muitas encomendas para pessoas que fazem questões de arranjos exclusivos, ou que têm medo que suas flores preferidas acabem na compra de última hora.

foto de crisânteo O comerciante também destacou o cliente que viaja para visitar o túmulo de um ente querido fora da cidade, mas que leva as flores daqui e que, por isso, faz suas compras antecipadas. "Nesta quarta, por exemplo, já atendi mais de 10 clientes que já estavam com as malas dentro do carro. É um público considerável".

Para os comerciantes, o crisântemo continua sendo a flor mais procurada para essa época do ano, seguida pela margarida e também pelas rosas. A média de preço do crisântemo entre as floriculturas pesquisas é de R$ 7, um vaso médio.

Donos de floriculturas apontam a simbologia do flor, já conhecida como indicada para essa data do ano, o preço e a sua durabilidade, como os maiores fatores para a preferência do consumidor.

Comércio ambulante
Para descolar um dinheiro extra, tem gente que aproveita as oportunidades das datas comemorativas e feriados para investir no famoso "bico". Nas imediações dos principais cemitérios da cidade, há vários ambulantes vendendo flores.

É que a Secretaria de Política Urbana liberou alvarás para os interessados nos pontos próximos aos cemitérios. Nesta quarta e quinta, 27 pontos estão autorizados a serem ocupados nas imediações do Cemitério Municipal, 15 no Parque da Saudade, 15 no Cemitério da Glória e um no Cemitério do Bairro São Pedro.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.