• Assinantes
  • Autenticação
  • Negócios
    Quinta-feira, 15 de julho de 2010, atualizada às 18h56

    Comércio juizforano perde 122 vagas de emprego em junho

    Clecius Campos
    Repórter

    O mês de junho não foi dos melhores para a empregabilidade no comércio em Juiz de Fora. Segundo dados  do Estudo de Evolução do Emprego, realizado pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o setor perdeu 122 vagas no último mês. Em maio, o comércio havia ganhado 91 postos.

    O superintendente do Sindicato do Comércio de Juiz de Fora (Sindicomércio-JF), Sérgio Costa de Paula, aponta possíveis fatores para o saldo negativo em junho. O primeiro é que o período seria mais difícil para o comércio, sendo uma época entre o Dia dos Namorados e o Dia dos Pais. "Tivemos boas vendas, mas não foi como o esperado. O clima de Copa do Mundo colocou o setor em franco desempenho mas as contratações não vieram."

    Além disso, ele aponta a chegada do inverno antes do esperado como ponto negativo do mês. "O período de frio diminui as vendas e a chegada antecipada fez com que o consumidor se prevenisse com antecedência." Mesmo assim, a perda é considerada normal pela entidade. "Vamos ingressar no segundo semestre, que é sempre melhor para o comércio. Teremos Dia dos Pais, Dia das Crianças e as festas de fim de ano. Até dezembro, o ramo vai continuar sendo o carro-chefe da contratação na cidade."

    Serviço mantém saldo positivo no mês

    Mais uma vez o setor de serviços é responsável por manter o crescimento no número de empregos na cidade. O ramo criou 439 vagas em junho e ajudou para que o saldo total mensal ficasse positivo em 414. Indústria da transformação (62 novos postos) e construção civil (53 novas vagas) também contribuíram para o maior número de admissões em relação a desligamentos. No primeiro semestre, 2.186 novas vagas foram criadas em Juiz de Fora.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.