• Assinantes
  • Autenticação
  • Negócios
    Segunda-feira, 9 de agosto de 2010, atualizada às 17h06

    Dia dos Pais é 9% melhor para o comércio que no ano passado

    Clecius Campos
    Repórter

    O comércio de Juiz de Fora registrou aumento de 9% nas vendas para o Dia dos Pais, em relação ao ano passado. Embora o setor esperasse incremento de 12%, o desempenho foi considerado dentro da expectativa pelo presidente do Sindicato do Comercio (Sindicomércio), Emerson Beloti. "O comércio não passa por uma fase boa. O que nos ajudou foi que o número de pais também aumentou. Diante desse panorama, a data foi um bom início para o segundo semestre."

    O vendedor de uma sapataria masculina, Waldenir Mendes, relata que as vendas subiram 10% em relação a 2009. "O movimento foi bom, principalmente no sábado." Já a gerente de uma joalheria, Rosa Maria Rocha, afirma que não observou incremento este ano. "Foi igual ao ano passado. Achamos devagar, mas está dentro da normalidade. Nossas melhores datas são o Dia das Mães e o Dia dos Namorados", acrescenta.

    O vendedor de uma loja de roupas, Marcelo Ribeiro, precisou fazer as contas duas vezes para ter a certeza de que superou em 30% as vendas realizadas no Dia dos Pais em 2009. "Foi excelente. Trabalhamos o dia todo, com o movimento maior a partir de sexta-feira [6 de agosto]. Conferimos a nota duas vezes para ver se não tinha nada errado." O vendedor espera comercializar mais alguns produtos no período de trocas. "Vamos tentar encaixar mais alguma coisa. A troca é o início de uma nova venda."

    Mendes também aposta na ida dos pais às lojas para trocar produtos. Ele acredita que o comércio vai fazer vendas menores, ainda referentes ao Dia dos Pais, ao longo da semana. "Onde há uma troca sempre há a oportunidade de venda."

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.