• Assinantes
  • Autenticação
  • Negócios
    Quinta-feira, 1 de março de 2012, atualizada às 18h55

    Venda de produtos de chocolate deve crescer até 12% nesta Páscoa

    Thiago Stephan
    Repórter
    Chocolates

    A expectativa inicial do Sindicato do Comércio de Juiz de Fora (Sindicomércio) é que as vendas de produtos de chocolate até a Páscoa cresçam de 9% a 12% em relação a igual período do ano passado. A estimativa leva em consideração o atual momento vivido pela economia e o histórico da evolução de vendas registrado no setor.

    Entretanto, esta previsão só poderá ser confirmada na próxima semana, quando o Departamento de Economia do Sindicomércio divulga estudo de mercado que aborda o tipo de presente, pretensão de gastos e forma de pagamento que a população pretende escolher. Se a previsão inicial se confirmar, o crescimento de 2012 será menor que o observado no ano passado, quando foi registrado aumento de 15% a 20% em relação a 2010.

    O momento nas fábricas e nas lojas de chocolate da cidade é de preparação para o principal período do ano. O empresário Rubens Kayambá, que há 23 anos fabrica ovos de chocolate, contratou novos funcionários para repetir a produção do ano passado. "Começamos a produzir logo depois do Carnaval. Nosso planejamento é deixar pronto, todos os dias, cerca de 50 kg de ovos de Páscoa. Com isso, chegaremos perto das 2,5 toneladas. No momento, não pretendo crescer. Se conseguir repetir o resultado dos últimos anos está muito bom", destacou o empresário, que aponta o ovo número 10 (90g), como favorito nas vendas de 2012. Seu principal foco são as crianças: os ovos possuem embalagens com temas infantis, como o Homem Aranha e a Branca de Neve.

    A empresária Cristiane Machado, proprietária de uma loja de produtos de chocolate na rua Mister Moore, espera que a Páscoa de 2012 seja melhor que a do ano passado. Para isso, contratou dois novos atendentes, que começam a trabalhar na segunda-feira, 5 de março. No setor de produção, cinco funcionários já estão trabalhando. "A tendência é de crescimento todos os anos. Estamos esperando um movimento até 30% superior ao do ano passado. É esse o percentual que estamos trabalhando na produção." Cristiane revelou ainda que sua aposta será em produtos diferenciados, como cestas que, além do chocolate, possuem vinho e pelúcias.

    Chocolates Chocolates
    Os textos são revisados por Mariana Benicá

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.