Quarta-feira, 19 de maio de 2010, atualizada às 18h13

Com quinta morte confirmada, JF tem mais óbitos por dengue que BH

Clecius Campos
Repórter

A quinta morte por complicações da dengue em Juiz de Fora foi confirmada na manhã desta quarta-feira, 19 de maio, pela Secretaria Municipal de Saúde (SS). Uma mulher de 52 anos, moradora do bairro Manoel Honório, apresentou quadro de insuficiência respiratória, entrando em coma em seguida. A mulher teve sorologia positiva para dengue e estava internada desde 3 de maio, no hospital Albert Sabin.

Com o quinto caso, Juiz de Fora ultrapassa Belo Horizonte no número de óbitos por complicações da dengue. A Secretaria Municipal de Saúde da capital confirmou mais dois óbitos na cidade, somando quatro casos. As mortes aconteceram em março, mas só agora entraram para as estatísticas oficiais, após investigação. Até o momento, a Prefeitura de Belo Horizonte contabiliza 39.627 notificações da doença.

De acordo com a médica do Departamento de Vigilância Epidemiológica e Ambiental (DVEA) da SS, Sônia Rodrigues, mesmo com o tempo frio, o mosquito vetor ainda pode causar mais casos de dengue em Juiz de Fora. "O tempo esfriou de semana passada para cá. Os Aedes aegypti ainda estão voando e têm vida útil. O reflexo dessa mudança climática só virá no próximo mês." O frio diminui o metabolismo do mosquito e seu ciclo de reprodução fica um pouco mais longo, reduzindo a infestação. "Porém, essas alterações não aparecem de uma dia para o outro."

População do Barbosa Lage está preocupada

Após o anúncio da morte de um morador do bairro Barbosa Lage, a população local está preocupada com um possível foco de dengue localizado na rua Antônio da Silva. Segundo relato de uma moradora do bairro, na altura do número 305, há uma oficina mecânica que pode ser responsável pela proliferação do mosquito. Os vizinhos não conseguem contato com o proprietário da oficina para resolver o problema. "Em uma das casas, uma família inteira pegou dengue. Estamos preocupados." A moradora tenta também contato com o Disque Dengue, sem sucesso. O número é 3690-7000.

A assessoria de comunicação da Prefeitura de Juiz de Fora informa que nesta quinta-feira, 20 de maio, o local citado pela moradora será vistoriado.

Minas chega a 158 mil notificações

O Estado de Minas Gerais chega a contabilizar 158.170 notificações de dengue. O número foi revelado nesta manhã, por meio do informe epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES). O documento aponta 14 óbitos confirmados por dengue hemorrágica e 20 óbitos por complicação da doença, porém exclui as cinco mortes confirmadas em Juiz de Fora. A SES investiga outras 37 mortes por dengue hemorrágica.

Os dados estaduais mostram que Juiz de Fora ocupa a sexta posição entre os municípios com mais notificações, com 3.177 queixas (ver tabela abaixo). Porém, segundo dados da SS, o número real é quase o dobro: 6.697 notificações, até a última segunda-feira, 17 de maio.

Municípios com maior número de casos notificados de dengue
MunicípiosCasos notificados
Belo Horizonte 39.432
Betim 11.069
Montes Claros 5.659
Contagem 4.785
Carangola 4.001
Juiz de Fora 3.177

Fonte: SES

Os textos são revisados por Madalena Fernandes

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.