• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde

    Chegada do outono requer cuidados com a saúde

    Com o tempo seco e as variações de temperatura, surgem as doenças respiratórias. Idosos, crianças, fumantes e asmáticos estão entre os mais suscetíveis

    Nathália Carvalho
    *Colaboração
    23/3/2012
    mulher espirrando

    O surgimento de folhas amareladas e secas, as variações de temperatura e a falta de chuvas e de ventos são indícios da nova estação. Porém algumas dessas características, acompanhadas do tempo seco, acabam trazendo preocupação com a saúde. O outono começou na última terça-feira, 20 de março, e, com ele, surgem também as doenças comuns desta época, como as alergias respiratórias e as gripes.

    "No outono temos muito calor durante o dia e um resfriamento do tempo à noite e durante a madrugada. As pessoas acabam ficando com ar condicionado e ventiladores ligados de noite e, quando amanhece, elas estão extremamente suscetíveis às doenças do aparelho respiratório", explica o médico José Sabe Musse. De acordo com Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig), as principais doenças do período são as gripes, alergias respiratórias, pneumonias, otites (infecção de ouvido), resfriados, sinusites e asma.

    Uma das principais preocupações dos médicos é a pneumonia. "É uma doença grave e a incidência aumenta muito nessa época", comenta Musse. Febre, dificuldades para respirar, tosse com expectoração, dores no peito, palidez e comprometimento do estado em geral estão entre os sintomas. A doença pode atingir um ou ambos os pulmões, que ficam inflamados. Geralmente, é provocada por vírus ou bactérias.

    Cuidados especiais

    Com as variações de temperatura durante o dia no outono, é necessário ficar atento a algumas medidas que podem evitar o surgimento de doenças. "É importante que as pessoas se mantenham agasalhadas e bem aquecidas, principalmente durante a noite. Além disso, a hidratação e a boa alimentação são fundamentais. Beber muita água durante todo o dia ajuda a driblar esse tempo seco." O médico lembra ainda que crianças, idosos, fumantes e pessoas com alergias respiratórias são as que mais sofrem nesse período. "Devemos tomar cuidados especiais com essas pessoas e, logo que os sintomas forem detectados, encaminhar os pacientes imediatamente ao médico", garante.

    De acordo com a Fhemig, outra infecção típica e com sintomas muito parecidos com os de uma gripe comum é o vírus RSV (sigla em inglês para vírus respiratório sincicial), recorrente em crianças até os três anos de idade. É importante tomar cuidados com a evolução dos sintomas, que podem chegar a casos graves de pneumonia, asma e internações.

    O outono deste ano

    De acordo com a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), o outono de 2012 deverá apresentar temperaturas médias ligeiramente abaixo da média no sul do estado. Já no Norte e Noroeste, as temperaturas médias ficarão acima do esperado, enquanto que nas demais regiões ficarão dentro da média.

    Com relação à chuva, são esperados valores abaixo e ligeiramente acima da média na Região Norte do estado no mês de abril, permanecendo abaixo em maio e dentro da média nas demais regiões. Finalmente, em junho, a tendência é de que as chuvas fiquem dentro da média. Lembrando que as precipitações nesta estação apresentam valores bem abaixo do verão.

                                                                                                                       *Nathália Carvalho é estudante do 8º período de Comunicação Social da UFJF

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.