• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Terça-feira, 10 de junho de 2014, atualizada às 17h30

    Hemominas em JF registra queda de 50% de comparecimento em junho

    Lucas Soares
    Repórter 

    O estoque de todos os tipos de sangue na Fundação Hemominas está abaixo do ideal, com o índice de comparecimento de doadores 50% a menos do usual.

    Com a proximidade da Copa do Mundo, em que é estimada uma demanda 20% maior de sangue em Belo Horizonte e região, somada a chegada do inverno, período em que anualmente o comparecimento diminuí, o Hemominas em Juiz de Fora busca formas para atender a demanda estadual. "Nós trabalhamos em rede, ou seja, o estoque é para todo Estado. Hoje temos essa demanda estimada de 20% a mais em Belo Horizonte, por causa da Copa do Mundo, e temos registrado, em Juiz de Fora, uma queda de 50% no comparecimento de doadores", afirma a assistente social da fundação, Bruna Quintão.

    Como a necessidade é por todos os tipos sanguíneos, o Hemominas faz campanhas buscando atrair novos doadores. Na noite desta terça-feira, 10 de junho, a equipe vai à Além Paraíba realizar coleta de sangue. A ação ocorre das 18h às 20h, na Unidade de Coleta e Transfusão da cidade, localizada na rua Felizarda Esquerdo 45, bairro Ilha do Recreio. A previsão é atender cerca de 40 candidatos à doação de sangue. Já nas quartas-feiras, 11 e 25 de junho, a visita é em Muriaé, entre 7h30 e 15h, na Policlínica do bairro Safira, localizada na rua Silvério Campos, s/nº. A previsão é atender cerca de 120 candidatos à doação de sangue em cada dia.

    O Hemominas em Juiz de Fora fica na rua Barão de Cataguases, s/nº, no bairro Santa Helena. As doações podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 07h às 18h e aos sábados, das 07h às 11h.

    Quem pode doar

    Pessoas entre 18 e 69 anos de idade. Jovens de 16 e 17 anos poderão doar, se acompanhados dos responsáveis legais ou portando autorização desses, com firma reconhecida em cartório. Pessoas com mais de 61 anos poderão doar se tiverem realizado, pelo menos, uma doação antes dos 60 anos. Para mais informações, ver a Portaria 2.712/2013, de12/11/2013, do Ministério da Saúde, e as normas da Fundação Hemominas.

    • Quem tem e está com boa saúde;
    • Quem pesa acima de 50 kg;
    • Quem dorme bem na noite anterior à doação;
    • Mulheres, mesmo se menstruadas ou em uso de anticoncepcionais 

    Quem não pode doar

    • Quem teve hepatite após os 11 anos de idade, exceto se tiver comprovação laboratorial da época em que a pessoa tratou da hepatite A (IgM positiva).
    • Quem tem exposição a situações de risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis;
    • Quem teve gripe, resfriado ou diarreia nos sete dias anteriores à doação;
    • Quem ingeriu bebida alcoólica nas últimas 12 horas anteriores á doação;
    • Quem usou ou usa drogas injetáveis;
    • Quem apresenta ferimento ainda não cicatrizado;
    • Quem estiver grávida ou em período de amamentação; após o parto normal é necessário aguardar três (3) meses; após cesárea, seis (6) meses;
    • Quem fez qualquer exame por endoscopia nos seis (6) meses anteriores à doação;
    • Quem fez cirurgia por laparoscopia nos seis (6) meses anteriores à doação;
    • Quem fez tatuagem nos últimos 12 meses anteriores à doação.
    • Quem fez ou faz tratamento dentário (a pessoa pode ser impedida de doar por um período de 1 a 30 dias, conforme o caso).

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.