• Assinantes
  • Saúde

    Hemominas faz caminhada para marcar o Dia Mundial do Doador

    Estoques da rede tiveram queda de 20% em todos os tipos negativos, principalmente, O e A. Expectativa é incentivar aumento no número de doações


    8/06/2015
    sangue

    No próximo domingo, 14 de junho, a Fundação Hemominas em Juiz de Fora fará uma caminhada solidária para marcar o Dia Mundial do Doador de Sangue, no parque do Museu Mariano Procópio. O evento será às 9h e também tem como objetivo incentivar mais pessoas a doarem sangue, visto que a fundação atua com estoque de todos os tipos negativos abaixo do desejado, principalmente, O e A. Como previsto, no período de outono e inverno sempre há uma queda no banco, que, segundo a chefe do setor de captação e cadastro de doadores, Lidiane Laroca, já está em torno de 20%, não só no município, mas em toda a rede.

    As inscrições para participar da caminhada são limitadas e podem ser feitas pelo telefone 3257-3113. No dia serão distribuídos panfletos com informações sobre quem pode e não pode ser um doador. Além da ação, Lidiane conta que o Hemominas está desenvolvendo outras ações para ajudar no aumento do estoque. "Temos palestras em empresas, agendamento de grupos para doação no hemocentro e capacitação de jovens da Embaixada Mundial de Ativistas pela Paz, para que se tornem multiplicadores e divulgadores da importância e necessidade da doação de sangue", explica. No dia 20 de junho, a equipe de captação do Hemominas de Juiz de Fora fará coleta externa em Ubá. O local ainda não foi confirmado.

    Caso tenha interesse em se tornar um doador, a sede do hemocentro fica na rua Barão de Cataguases, no bairro Santa Helena. O horário de funcionamento é de segunda a sexta, das 7 às 18h e aos sábados, das 7 às 11h.

    Quem pode doar

    Pessoas entre 18 e 69 anos de idade. Jovens de 16 e 17 anos poderão doar, se acompanhados dos responsáveis legais ou portando autorização desses, com firma reconhecida em cartório. Pessoas com mais de 61 anos poderão doar se tiverem realizado, pelo menos, uma doação antes dos 60 anos. Para mais informações, ver a Portaria 2.712/2013, de12/11/2013, do Ministério da Saúde, e as normas da Fundação Hemominas.

    • Quem tem e está com boa saúde;
    • Quem pesa acima de 50 kg;
    • Quem dorme bem na noite anterior à doação;
    • Mulheres, mesmo se menstruadas ou em uso de anticoncepcionais.

    Quem não pode doar

    • Quem teve hepatite após os 11 anos de idade, exceto se tiver comprovação laboratorial da época em que a pessoa tratou da hepatite A (IgM positiva).
    • Quem tem exposição a situações de risco acrescido para doenças sexualmente transmissíveis;
    • Quem teve gripe, resfriado ou diarreia nos sete dias anteriores à doação;
    • Quem ingeriu bebida alcoólica nas últimas 12 horas anteriores á doação;
    • Quem usou ou usa drogas injetáveis;
    • Quem apresenta ferimento ainda não cicatrizado;
    • Quem estiver grávida ou em período de amamentação; após o parto normal é necessário aguardar três (3) meses; após cesárea, seis (6) meses;
    • Quem fez qualquer exame por endoscopia nos seis (6) meses anteriores à doação;
    • Quem fez cirurgia por laparoscopia nos seis (6) meses anteriores à doação;
    • Quem fez tatuagem nos últimos 12 meses anteriores à doação.
    • Quem fez ou faz tratamento dentário (a pessoa pode ser impedida de doar por um período de 1 a 30 dias, conforme o caso).

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.