• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Armando Falconi Armando Falconi 1/12/2009

    Fechar 2009 com mais atitude: a arte de fazer acontecer

    Armando FalconiEstamos em dezembro e mais uma vez nas "ditas correrias" de fim de ano. Costumo dizer e provar que são correrias somente para quem vive a correr pela vida, sem saber se corre da morte ou se corre para a morte.

    Cada dia mais dependente do sistema, sem vontade própria, tendo como maior inimigo o relógio; um percentual muito grande da sociedade não é senhor do seu destino, é empregado mal remunerado, porque vive apenas para produzir, comer, gozar e descansar.

    As pessoas que fazem parte deste grupo numeroso, quando usam os valores espirituais, é mais para barganha com Deus e o Universo do que para o autoencontro.

    Passam pela vida mais ou menos assim: a criança diz que quando me tornar moço, vou fazer. O moço diz que quando me formar, as coisas vão acontecer. Após a formatura diz que quando me casar, vai ser o bicho. Quando vem o casamento, na plenitude de suas forças, já começa a sonhar e a dizer que quando vier a aposentadoria, aí sim...

    Aposenta e dá uma parada, coça a cabeça, olha para trás e contempla a longa estrada percorrida. Neste momento, um vento frio o envolve vindo de toda parte e de lugar nenhum. Então o homem se dá conta de que quase nada aproveitou, e agora está tudo acabando, ou para muitos até mesmo acabado.

    Por isso, ensino em auto e bom tom, em meus cursos e palestras aqui em Juiz de Fora e por este Brasil, que a vida não consiste em esperar pelo futuro. Esperar pelo futuro será tarde demais.

    A vida consiste sim em viver cada dia plenamente, cada dia e cada hora sempre aqui e agora.

    Passado x Futuro

    Ontem é chamado de passado, memórias, peças de museu. Amanhã é chamado de futuro, nunca chega e quando chega é chamado de hoje. Hoje é chamado de quê? A resposta é "presente".

    Sabe por que hoje é chamado de presente? Porque é isso mesmo, um presente que a vida está lhe oferecendo. Um cheque em branco no valor de R$ 8,64 milhões — isto mesmo, oito milhões e seiscentos e quarenta mil limpinhos.

    Armando FalconiVocê pode estar se perguntando onde está este dinheiro que eu não vi? Pois fique sabendo que a cada novo dia, você recebe este número em segundos, que você tem que gastar até a meia noite. Nada será transferido para o dia seguinte, nem será acumulativo.

    Viva o dia de hoje na frequência do bem ou se viver em outras frequências, estará a cada segundo, consumindo uma parte desta fortuna que é o tempo.

    Pergunte a você mesmo:

    • Como será que estou usando este valor tão alto, esta cota tão rica que é o tempo?
    • Estou usando para ter uma vida com qualidade, construindo saúde, sendo meu melhor amigo?
    • Ou será que estou usando sem prudência, sem bom senso, sendo meu pior inimigo e apenas patinando como carro atolado no barro e afundando cada vez mais?

    Como referência, leia o artigo do mês passado sobre a saúde e seus inimigos, apenas como uma autoavaliação.

    Buda ensinava

    Um missionário que veio ao mundo para trazer ensinos de valorização do amor e do perdão foi Buda, cujo nome verdadeiro era Gautama Sáquia Muni — Gautama é o nome étnico e designa o clã a que pertencia Buda, quanto a Sáquia Muni designa "o santo oriundo dos Sáquias" — que era uma família de guerreiros.

    Buda viveu há cerca de 600 anos a.C., renunciou às grandezas, à vida faustosa para isolar-se nas florestas, às margens dos grandes rios asiáticos, em profunda meditação e estudo, durante sete anos, reaparecendo, depois, para pregar a necessidade de praticar o bem, porque "o bem — dizia ele — é o fim supremo da natureza."

    Ensinou aos seus discípulos então, há mais de dois mil e seiscentos anos, que o ser humano conduz seus pensamentos na seguinte escala:

    • 70% dos nossos pensamentos estão ligados ao passado!
    • 25% dos nossos pensamentos estão voltados para o futuro!
    • quanto sobra então para o presente? Apenas 5%!
    Matemática de pobreza espiritual

    Por isso, estamos aqui a lembrar que deixar do jeito que está, para ver como é que fica, não muda nada em sua vida. Pelo contrário, suas energias se vão, seu capital de tempo se esvai e você vira a meia noite pior do que quando chegou no dia de hoje.

    Seus sonhos viram pesadelos, suas metas não acontecem. Aquela lista que você fez em dezembro do ano passado, anotou tudo direitinho, jurou pelo que era mais sagrado que 2009 seria diferente...

    Vai lá, pega na gaveta, abra a agenda ou aquele documento de texto em seu computador, confira item por item e veja o que realmente foi colocado em prática.

    Provavelmente muito pouco ou quase nada mesmo — com raras exceções!

    Armando FalconiO que fazer de diferente agora neste novo dezembro que chegou? Apenas repetir e atualizar a lista do ano passado? Não vai adiantar. Já vimos este filme e no final o artista morre...

    É necessário parar de pensar com o estômago, com o sexo, com o coração. Achar que estamos na vida para ser usufrutuários da sociedade, do planeta, dos nossos pais ou da herança de família.

    Mesmo que você tenha valores monetários que te permitam viver até a velhice sem trabalhar, lembra do ditado do Mosteiro Budista: "Um dia sem trabalho, um dia sem paz".

    E paz não se compra com dinheiro, com suborno, com piadinhas. Paz é algo que se constrói, como uma casa, tijolo sobre tijolo, em cima de um bom alicerce, coberta por um bom telhado e com acabamento de qualidade.

    • O alicerce é a moral!

    A regra de bem proceder, isto é, de distinguir o bem do mal. Funda-se na observância da lei de Deus. O homem procede bem quando tudo faz pelo bem de todos, porque então cumpre a lei de Deus.

    • As paredes são a integridade!

    Integridade vem do latim integritate, significa a qualidade de alguém ou algo ser íntegro, de conduta reta, pessoa de honra, ética, educada, imparcial, briosa, cuja natureza de ação nos dá uma imagem de inocência, pureza ou castidade, o que é íntegro, é justo e perfeito, é puro de alma e de espírito.

    • A cobertura, o telhado são a alteridade!

    Alteridade (ou outridade) é a concepção que parte do pressuposto básico de que todo o homem social interage e interdepende de outros indivíduos. Assim, como muitos antropólogos e cientistas sociais afirmam a existência do "eu-individual", ela só é permitida mediante um contato com o outro — que em uma visão expandida se torna o outro — a própria sociedade diferente do indivíduo.

    • O acabamento é educação!

    Educação que vivenciada no presente, hoje e sempre contribui para ajudar-nos a evoluir, a ampliar nossos horizontes em todos os campos e a poder fazer escolhas cada vez mais realizadoras, abrangentes e interessantes.

    Há pessoas que nos ensinam algumas coisas — e podem ser bons profissionais — e há outras que nos ajudam a perceber mais, a ampliar horizontes, a motivar-nos para vivermos melhor e que torcem pelo nosso sucesso como pessoa. Essas, além de boas profissionais, são boas educadoras.

    Fechar 2009 com mais atitude

    Armando FalconiDesejamos, sinceramente a você que lê este artigo que receba nossas palavras não como normas fechadas, mas como contribuição para o seu crescimento pessoal.

    Pegue com mais firmeza as rédeas de seus pensamentos, de seu falar e de seu agir. Seja o senhor (ou a senhora) de seu destino.

    • Ontem é passado, e como tal é intocável, porém reparável!
    • Amanhã é futuro, e como tal intocável, porém programável!
    • Hoje é presente, e como tal você pode agir plenamente!

    Pense, fale e aja com mais atitude no mundo íntimo, no lar, no trabalho, em sociedade. Você merece e o universo agradece!

    Com sinceros votos de um Feliz Natal, muita paz a tudo e a todos. Ficamos à disposição para responder e esclarecer pontos relacionados a este tema. Quer saber mais? Entre em contato conosco, pois as informações são muitas, mas o espaço do artigo é limitado. Aguardamos seu e-mail.

    Encerramos com saudações holísticas!


    Armando Falconi Filho
    é Terapeuta Holístico, Escritor, Consultor, Conferencista

    Saiba mais clicando aqui.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.