• Assinantes
  • Autenticação
  • Seus Direitos
    Quarta-feira, 19 de outubro de 2011, atualizada às 19h

    Reclamações contra empresas do ramo financeiro representam 43,94% dos atendimentos do Procon

      Da Redação
    telemarketing

    As empresas que atuam no ramo financeiro foram as que mais geraram queixas junto à Agência de Proteção de Defesa do Consumidor (Procon/JF) de janeiro até o dia 18 de outubro deste ano. Neste período, 7.937 pessoas procuraram o Procon para contestar algum tipo de prática do ramo, o que representa 43,94% do total de atendimentos: mais de 18 mil.

    No mesmo período do ano passado, as empresas financeiras também lideraram o índice, com 8.019 atendimentos (46,07%). A cobrança indevida é o problema mais frequente, totalizando 3.352 atendimentos dentro do percentual. Em seguida aparece a antecipação de boletos, com 1.865 ocorrências.

    Os outros assuntos que levam mais consumidores ao Procon são produtos (como eletroeletrônicos e vestuário, com 24,83% dos atendimentos), serviços essenciais (água, energia, com 19,43%), serviços privados (9,44%), saúde (1,33%), habitação (0,89%) e alimentação (0,14%).

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.