• Assinantes
  • Autenticação
  • Só Sabor

    Água, sucos e lanches leves evitam porreLíquidos previnem desidratação e repõem glicose consumida e sais minerais perdidos no suor. Petiscos evitam hipoglicemia alcoólica e recuperam energia

    Clecius Campos
    Repórter
    11/2/2010

    Carnaval é a época de cair na folia, mas também de alguns excessos. Para evitar o desconforto causado pelo consumo excessivo de álcool, o recomendado é uma alimentação adequada ao período. De acordo com a nutricionista Wanessa Aquino, a primeira preocupação que se deve ter a fim de prevenir ou minimizar o efeito do álcool no organismo é consumir água.

    "O ideal é consumir a bebida alcoólica com moderação. Mas, caso a intenção seja beber um pouco mais, o folião precisa ficar atento à desidratação." Isso porque, segundo Wanessa, a bebida alcoólica provoca a diurese e acelera a perda de água. "É importante intercalar o consumo de álcool e o de água, que deve ser bebida aos goles e estar sempre à mão."

    Outra dica para evitar os sintomas da bebedeira é ingerir suco de frutas, pelo menos de hora em hora. A nutricionista informa que a metabolização do álcool no organismo consome a glicose do corpo, provocando baixa no sangue. "Com isso, a pessoa fica trêmula, fraca, sente enjoo, dor de cabeça, ânsia de vômito. São os sintomas da hipoglicemia." A orientação é escolher frutas cítricas, ricas em frutose e frutas ricas em potássio, como melão, melancia e água de coco.

    A principal dica para evitar a ressaca no dia seguinte é jamais beber de estômago vazio. Porém, Wanessa afirma que não é recomendado fazer uma refeição grande antes de cair na folia. "Escolha um lanche leve que não seja de digestão demorada. Se for almoçar ou jantar, é importante esperar duas horas antes de sair para pular o Carnaval."

    Foto de suco Foto de saduíche
    Na rua, a fome vai bater de três em três horas. Nesses intervalos, é necessário fazer refeições. "Barras de cereais são boas opções. Sanduíches também podem ser consumidos, mas é preciso evitar os molhos, gorduras e maionese. Esses condimentos podem causar intoxicação alimentar, por ficarem mal condicionados. O folião pode comer um hambúrguer, com carne e salada, ou um pão com presunto e queijo que estará bem alimentado." Segundo Wanessa, nessa ocasião é indicado comer em pequenas quantidades e várias vezes. "Ingerir tudo de uma vez pode causar algum problema de má digestão que, aliado ao álcool, pode ser mais complicado."

    As recomendações devem ser seguidas também por aqueles que não bebem. "A desidratação é o grande problema. Pular o Carnaval durante horas é uma atividade aeróbica que consome muita água, muita energia e carboidrato. O organismo de quem passa muito tempo na folia vai precisar de reposição constante", alerta.

    Suco refrescante

    Ingredientes:
    meio melão
    2 maçãs verdes
    500 ml de água
    um quarto de copo de suco de limão
    meia xícara de chá de açúcar

    Modo de preparo:
    Descasque o melão e as maçãs. Retire sementes, pique e bata no liquidificador colocando a água aos poucos. Adicione o suco de limão, o açúcar e bata por mais alguns segundos. Coe e sirva com cubos de gelo.

    Rendimento:
    Mais de 4 pessoas

    Sanduíche natural de peru
    Ingredientes

    1 xícara (chá) de maionese light
    150g de muçarela ralada grossa
    ½ colher (chá) de tempero de alho
    3 colheres (sopa) de salsa picadinha
    sal e pimenta-do-reino a gosto
    8 fatias de pão integral
    150g de blanquet de peru em fatias
    2 tomates médios em rodelas
    2 xícaras (chá) de folhas de agrião

    Modo de preparo
    Misture bem os cinco primeiros ingredientes e passe uma farta camada nas fatias de pão. Recheie o sanduíche com o blanquet de peru o tomate e o agrião. Sirva a seguir.

    Rendimento
    4 pessoas

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.