• Assinantes
  • Autenticação
  • Só Sabor

    Cuidados na hora de comprar e dicas para preparar o peixe Vale observar a aparência e a higiene do local onde o alimento for adquirido. Saiba os benefícios para o organismo e como está a procura em Juiz de Fora

    Daniele Gruppi
    Subeditora
    19/2/2010

    Com a chegada da Semana Santa, o consumo de peixe aumenta, já que muitas pessoas evitam comer carne no período. Mas para comprar o alimento é preciso ter alguns cuidados. Vale observar a aparência, o armazenamento e o odor do peixe, além da higiene do local onde será adquirido.

    Segundo a nutricionista, Cláudia Montianéle de Castro, o pescado fresco deve apresentar a superfície do corpo limpa, com brilho metálico, olhos transparentes, brilhantes e salientes. As guelras precisam estar róseas ou vermelhas, úmidas e brilhantes e o ventre roliço e firme. Ela diz ainda que vale verificar se as escamas estão brilhantes e bem aderentes.

    Com os dedos, pressione a barriga do peixe para constatar a firmeza. "Calda e carne firme com consistência elástica de cor própria à espécie também são características de peixe fresco", complementa.

    Para saber se a peixaria é provida de boa higienização, cheque se o vendedor está usando luvas ao manipular os peixes e se o ambiente está limpo. O peixe bem acondicionado deve estar com um pouco de gelo em cima dele e bastante embaixo, pois o gelo ajuda a manter o alimento saudável por mais tempo.

    Se a pessoa preferir o peixe na forma enlatada, Cláudia destaca que necessário verificar se há indícios de estufamento da embalagem. "Antes do consumo, lave a lata com água corrente e sabão", recomenda.

    Dicas para preparar o peixe

    Depois de comprar o peixe, é hora de começar a prepará-lo. Conforme a chef de cozinha, Haline Maia, o primeiro passo é a limpeza, que deve ser iniciada pelas escamas. Para retirá-las, ela recomenda utilizar uma colher ou uma faca ao contrário do corte, evitando furar a pele do peixe e acidentes com cortes. Em seguida, é preciso abrir do ânus até próximo da boca e puxar a parte solta (barrigada). Depois, é só lavar em água corrente até retirar resíduos de sangue e cortar as barbatanas com ajuda de uma tesoura ou faca.

    O tempero varia de acordo com a preferência do consumidor e com o modo de preparo. Haline afirma que vinho branco, limão e vinagre (em pequenas quantidades) são ótimos temperos para peixes e deixam a carne firme, especialmente para empanar e para fritar.

    Uma sugestão é deixar para colocar o sal por último. "O sal não deve ficar muito tempo em contato com o peixe cru porque desidrata e deixa a carne do peixe com textura esponjosa." Alecrim, tomilho, alcaparras e ervas finas devem ser usados acompanhados somente de sal e limão e em quantidades menores, a fim de que não se destaquem mais que a carne do peixe escolhido.

    O tempo de marinar varia de acordo com o tipo de peixe e a intensidade de sabor desejada. "O tempo médio de marinar peixes é de uma hora para filés e postas e duas horas para peixes inteiros e com pele."

    peixe peixe peixe
    Congelando e descongelando

    Se o peixe estiver congelado, a melhor maneira de descongelá-lo é dentro da geladeira para evitar multiplicação de microrganismos. Haline ressalta que nunca se deve congelar novamente um alimento, pois a qualidade pode ser comprometida.

    Cláudia afirma que para guardar o peixe por mais de 24 horas é necessário congelá-lo. "O peixe, mesmo na geladeira, perderá o sabor depois de um dia." Para congelar, Haline aconselha a dividir em porções antes de congelar. "Alimentos temperados não devem ser congelados, pois a ação do sal facilita a desidratação dos alimentos, comprometendo a textura e sabor", diz a chef de cozinha.

    Benefícios para o organismo

    Conforme a nutricionista, o peixe é considerado uma carne magra porque possui menos gordura do que a carne vermelha. "O tipo de gordura proveniente nos peixes é a poliinstaurada, com destaque para o ômega 3, que traz benefícios para saúde, como a prevenção de doenças cardiovasculares."

    É também fonte de proteínas de alto valor biológico, pois possuem aminoácidos essenciais (não são produzidos pelo nosso corpo). Além disso, Cláudia explica que os peixes contêm altas concentrações de minerais (sódio, potássio, magnésio, cálcio, ferro, flúor, iodo, fósforo, manganês, selênio e cobalto) e vitaminas lipossolúveis (solúveis em gordura) e hidrossolúveis (solúveis em água), contribuindo para atingirmos a recomendação diária alimentar (RDA).

    Procura em Juiz de Fora

    movimento na pexariaEm Juiz de Fora, as peixarias esperam superar o movimento de 2009. O proprietário de uma peixaria, Aurélio Tedesco Bellini, aumentou em 20% a 30% o estoque deste ano, comparando com o ano anterior.

    A proprietária de outra peixaria, Marize de Matos Costa, acredita que o movimento será 25% maior ante os dias normais. "Este período é o Natal das peixarias." Para atender toda a demanda dos clientes, ela preparou um estoque 10% maior do que em 2009 e contratou mais três pessoas.

    Marize afirma que este ano o preço do peixe teve um reajuste. "O reajuste não ocorreu só no preço do peixe, houve um aumento geral. Os impostos estão muito altos." Aurélio confirma que houve reajuste, entretanto acredita que o preço da sardinha poderá ter queda. "Na última quinta-feira, 18, foi liberada a pesca da sardinha, o que poderá contribuir para que tenhamos mais oferta desta espécie."

    O quilo da sardinha sai por volta de R$ 5. O quilo da cavalinha, do cação, do filé de merluza e da corvina pode custar de R$ 8 a R$ 12. Já o badejo, linguado, pescadinha e namorado varia de R$ 18 a R$ 30, o quilo.

    Receita

    Marize dá uma dica de receita com filé de pescada sem pele. "Tempere o peixe com sal, limão e alho. Passe farinha de rosca e frite. Quando estiver dourado o peixe, coloque para secar no papel toalha e despeje num pirex. Coloque requeijão e muçarela sobre o peixe e faça outra camada. Na última, despeje queijo ralado e orégano. Leve ao forno."

     

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes


    Quanto à higiene, armazenamento, aparência e odor.
    O pescado fresco deve apresentar as seguintes caracteristicas: superficie do corpo limpa, com relativo brilho metalico;olhos transparentes, brilhantes e salientes; cheiro caracteristico; ventre roliço e firme; guelras roseas ou vermelhas, úmidas e brilhantes; escamas brilhantes, bem aderentes a pele; cauda e carne firme com consistencia elástica de cor propria à especie.

    É conveniente que o peixe fresco seja adquirido somente em mercados providos de boa higienização. O peixe mesmo na geladeira perderá o sabor depois de um dia.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.