• Assinantes
  • Autenticação
  • Tecnologia
    Terça-feira, 23 de setembro de 2014, atualizada às 12h17

    Venda de tablets no primeiro semestre aumenta 21% no Brasil

    O mercado brasileiro vendeu, no primeiro semestre de 2014, 4,2 milhões de unidades de tablets. Segundo dados da empresa de pesquisa de mercado IDC Brasil, o número é 21% a mais do que no mesmo período de 2013, quando foram registradas 3,4 milhões de unidades.

    Ainda de acordo com a pesquisa, entre os meses de abril e junho deste ano, foram vendidas 1.94 milhão de unidades do gadget, o que representa um crescimento de apenas 1% comparado ao segundo trimestre de 2013 e 12% menos do que o volume do primeiro trimestre do ano. Segundo a pesquisa, o fato do varejo brasileiro ter focado na venda de TVs e smartphones antes da Copa do Mundo foi fundamental para diminuir as vendas em comparação ao período anterior.

    A previsão dos analistas é de que os tablets recuperem o ritmo de vendas durante o segundo semestre e cheguem a 10 milhões de unidades vendidas ao final do ano, com um crescimento de 19% em relação a 2013. As vendas agora serão impulsionadas por datas especiais, como Natal, Dia das Crianças e Black Friday, segundo a IDC.

    O Brasil está em uma situação favorável para os tablets: os modelos de entrada ainda estão baratos e smartphones com telas maiores ainda não são muito acessíveis. De acordo com a empresa, o tablet é hoje o dispositivo mais barato para acesso casual à internet: no país, produtos de até R$ 500 correspondem a 77% das unidades vendidas no último trimestre.

    Com informações da Assessoria de Imprensa da IDC Brasil.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.