• Assinantes
  • Autenticação
  • Direitos Humanos
    Sexta-feira, 3 de maio de 2013, atualizada às 14h12

    Casa do Pequeno Jardineiro, da Amac, vai reaproveitar copos plásticos

    Da Redação
    amac

    Muitas vezes, pequenas ideias e atitudes acabam fazendo uma grande diferença quanto o assunto é preservar a natureza ou diminuir os gastos de recursos públicos. Em uma iniciativa conjunta da Casa do Pequeno Jardineiro, da Amac, e da Cesama, cerca de dois mil copos plásticos que seriam descartados todos os meses vão ser reaproveitados na plantação de mudas. Com isso, além da reciclagem dos material, não haverá mais a necessidade de a entidade adquirir sacos plásticos para o plantio.

    Na maioria dos eventos com participação ou apoio da Cesama copos plásticos com água potável são distribuídos aos participantes. Agora, o que anteriormente era lixo, vai passar a ser recolhido e encaminhado à Casa do Jardineiro. Paulo Afonso Joaquim, coordenador da Casa, comemora a dupla vantagem: "Está sendo uma parceria muito importante, e é mais uma lição de preservação do meio ambiente que ensinamos para os jovens atendidos aqui. Além disso, é uma despesa a menos para nós".

    Segundo o assessor de meio ambiente da Cesama, Paulo Valverde, a ideia partiu da Secretaria de Meio Ambiente. "Recebemos a indicação de fazer contato na AMAC para utilização dos copinhos na produção de mudas do programa Pequeno Jardineiro. Ficamos satisfeitos em estar contribuindo com um projeto de relevância social e, ainda, promovendo a conciliação com uma questão ambiental", afirma.

    O programa Casa do Pequeno Jardineiro, criado em 1997, fica na avenida JK, número 10.000, Barreira do Triunfo, e é mantido pela parceria entre a AMAC e a Secretaria de Assistência Social. Os jovens passam por um curso básico de jardinagem com duração de 70 dias letivos, incluindo o estágio. Após este período, os atendidos que apresentam bom desempenho são contratados por empresas parceiras, com carteira assinada e contrato de um ano como aprendizes. Para se tornar um Pequeno Jardineiro, o interessado deve fazer o pedido junto ao Centro de Referência de Assistência Social (Cras) mais próximo de sua casa. Para realizar a inscrição, o adolescente, do sexo masculino, deve ter idade entre 14 a 16 anos e meio.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.