Quarta-feira, 10 de agosto de 2011, atualizada às 14h57

Governo de Minas vai contratar 26 professores temporários para o 3º ano do ensino médio em Juiz de Fora

Da Redação
Greve professores

Devido à greve dos professores estaduais de Minas Gerais, o Governo anunciou, na última terça-feira, 9 de agosto, que irá contratar 26 docentes em Juiz de Fora, a fim de assegurar que os alunos do 3º ano do ensino médio não tenham o desempenho prejudicado pela paralisação parcial dos professores no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e em vestibulares. A decisão vale também para o restante do estado e prevê a contratação direta de três mil docentes em Minas.

O contrato dos professores designados deve durar até o final do ano letivo de 2011. A designação deverá ser feita pelos diretores das escolas da rede estadual, que organizarão também o calendário de reposição das aulas. Deverão ser designados professores que tenham licenciatura plena ou que sejam autorizados a ministrar conteúdos específicos.

Segundo a resolução publicada na última terça-feira, 9, a designação poderá ocorrer também para Especialistas em Educação Básica, Assistente Técnico em Educação Básica e Auxiliar de Serviços em Educação Básica para garantir a regularidade do funcionamento do 3º ano do ensino médio.

Os professores da rede estadual de ensino estão em greve há 65 dias. A categoria reivindica a implantação do piso salarial nacional, para jornada de 24 horas semanais, conforme valor defendido pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), fixado em R$ 1.597.

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.